O Tribunal Constitucional & Comissão Nacional de Eleitoral - Fernando Vumby

Alemanha - São duas farsas que trabalham em sintonia e usam a mesma linguagem obedecendo a estratégia do regime para fraudar as próximas eleições sem qualquer duvidas.

 

Fonte: Fórum Livre Opinião & Justiça

 

A forma como certos  partidos políticos da oposição foram afastados da corrida eleitoral vêm provar de que a estratégia para a próxima fraude  já foi elaborada á muito tempo.

 

E  quem não é pela fantasia e mentira que tem sustentado todo a actividade  deste grupelho de corruptos que governa Angola , pode facilmente perceber o que se esconde por detrás do afastamento dos mesmos.

 

Mais qual sistema eletrônico , qual quê ?

 

Desde á muito que esses partidos estavam condenados  , e não é por acaso que os serviços secretos  primeiro roubou todas as informações pessoais de figuras importantes destes partidos.

 

E depois , colocou alguns semi especialistas controlando toda a actividade desses partidos , dando-lhes uma oportunidade de trabalho  legal e apostando neles  para desestabilizar  a vida interna desses partidos , como aconteceu á dada altura .

 

Para o regime tudo vale neste processo eleitoral , menos salvar a democracia e pouco lhes  importa que o nome ( Angola ) continue como  sinonimo de bandidagem política institucionalizada .

 

O regime não encara o voto do cidadão  como um compromisso com o país , mais sim como algo de interessante para consolidar posições de verdadeiros bandidos  e praticas criminosas.

 

Como os assaltos permanentes aos cofres públicos , as perseguições de quem é contra , as prisões arbitrárias , os raptos e principalmente os assassinatos .

 

O regime tem clara intenção de fraudar o próximo acto eleitoral , se não a tem desafio-o , á permitir que o voto recolhido seja contado de imediato e no mesmo local.

 

Por todos os partidos da oposição sem qualquer distinção e outras pessoas interessadas da sociedade civil  com direito á cópia  do resultado para conferencias publicas futuras.

 

Se há seriedade , transparencia  e não existe nada para esconder ou manipular neste processo eleitoral , claro que o regime não precisaria desses truques todos  que até o cego dá conta.

 

Mais como o voto do cidadão  nunca é   interpretado como alto compromisso com o destino do país , claro que desses bandidos mais nada se pode esperar senão mesmo só  a fraude.

 

Eu não me admiro que na hora das pessoas votar  poça  não encontrar o candidato que gostariam  de votar por manipulações simultâncias consoante o votante se  for analfabeto ou não.

 

De um regime  que educa até crianças para as transformar em carrascos dos seus próprios país , os obrigando á colaborar permanentemente com os serviços secretos.

 

 

Semeando o descrédito e um clima terrível no seio das famílias onde a única coisa que impera é a desconfiança entre uns e outros.

 

Irmãos e primos se guerreando , esposas que foram quase como obrigadas á envenenar os seus próprios esposos em defesa de um sistema perverso e criminoso .

 

De um regime que teve a coragem de matar crianças enfrente aos seus próprios país ( Isto aconteceu no ministério da defesa no 27 de Maio 1977 ).

 

De um regime que  enterrou  pessoas vivas como aconteceu nas Lundas  ( ver em ultima obra de Rafael Marques ) Diamantes de sangue , o quê   se pode esperar desta gente afinal , para além da fraude  ?

 

De um regime que alguns dos seus oficiais não tiveram problemas em violar compatriotas nossas mesmo depois de as ter queimado a região vaginal com beatas de cigarros  o quê se pode esperar afinal ?

 

Isto aconteceu dias depois dos acontecimentos do 27 de Maio , seu autor foi (  Carlos Jorge )  que até  nem era fumador , mais quando foi  preciso mostrar  a sua verdadeira face na CR ( Casa de Reclusão ) ou na Cadeia do S.Paulo não exitou.

 

Suas vitimas na sua maioria acabaram eliminadas , mais as sobreviventes mais tarde ou mais cedo vão acabar por ser elas próprias á contar como tudo aconteceu , apesar da vergonha de si próprias que ainda  carregam .

.

Pois como me referi de inicio , a fraude eleitoral para  as próximas eleições em Angola já começou muito antes da forma como Susana  Inglesa tinha sido imposta para chefiar a CNE.

E posteriormente a sua substituição numa jogada tatica do regime  e não por pressão como muitos ainda acreditam ter sido.

Basta ver que a única coisa de novo que trouxe a sua substituição foi um refinar permanente de truques antigos , para venderem -nos a ilusão de que algo tinha mudado .

O sistema aliás não permite que um substituto seja menos malandro do que o substituído , e a única  forma de se provar ser melhor não obedece  necessariamente aos princípios de  transparencia .

Num país onde raramente as substituições e nomeações não passam de autênticos insultos e desafio aos mais fracos outra coisa não se pode esperar senão a fraude.

O afastamento destes partidos da corrida eleitoral  foi programado como disse , com  todo o cuidado para dar certo e seja lá quais forem os argumentos que  apresentarem , não acredito que o regime venha á recuar da sua  decisão.

Em suma , o sistema utilizado que os afastou da corrida  , será o mesmo que será utilizado na contabilização  dos votos fantasmas , brancos e nulos em favor de JES / MPLA.

E  deixará  os seus adversários mais próximos  de rastos e humilhados , disto não tenho a mínima duvida , pois conheço tão  bem os meus ex camaradas que se prenderam ao poder como moscas agarradas á fezes.

Que seja considerado como  mais um escandálo nacional   o regime nem está ai , e nem lhes passa pela cabeça de  que se tudo lhes correr mal .

Essas eleições ainda puder significar o anunciar do fim dos tantos delituosos que se escondem nas vestes de ministros , secretários , directores , conselheiros , funcionários públicos , comissários ,etc.

 

Essas eleições  deste á muito que tem sido apontado como uma grande farsa , porque vai no fundo legitimar quem espera que  assim seja  e as artimanhas todas foram montadas para não acontecer o contrário.

 

Umas das manobras  vai se basear na multiplicação  dos votos para JES por meio de manipulação computarizada das urnas ou mesmo manuais  conforme lhes der mais jeito .

 

E somos muitos os que consideramos essa hipótese como á mais provável , entre outras preparadas para que o tiro não lhes saia pela  culatra e ser um tiro no próprio pé.

 

Temos muitos motivos para não acreditar na transparencia deste processo eleitoral se levarmos em consideração o passado histórico das compras e vendas de votos.

 

E do destino que foi dado aos votos recolhidos de regiões do sul  de Angola onde o regime sabe ser de maior afluência de seus opositores.

 

Tudo aponta que desta vez , as coisas vão correr de forma igualita ás outras vezes ,  e alguns partidos criados pelo próprio regime , assim como uma parcela da população que vive comprada  pelas migalhas do assistencialismo e servilismo vão acabar por cruzar seus braços em vez de partirem para uma revolução.

 

Essa história do famigerado Tribunal Constitucional se argumentando de que os computadores detectaram isto e aquilo , foi pouco inteligente e pelo menos á mim não me convence.

 

Tenho experiência de mais de 10 anos de análise de Sistemas e digo que para saber que todo computador pode ser fraudado nem é preciso ter andado nas escolas dos serviços secretos da China , Rússia ou Cuba.

 

O facto de estar offline não implica que a fraude não possa ter ocorrido previamente no Sistema , e esse risco só pode ser minimizado se nos dias das eleições .

 

Algumas urnas fossem trocadas  aleatoriamente e as originais forem auditadas por empresas de idoneidade indiscutível , de preferência estrangeiras  escolhidas por sorteio na manha do mesmo dia da votação.

 

Claro que isto é se calhar conversa para adormecer bois , num regime onde a maioria dos governantes percebem mais de cervejas e putas , do que de uma boa literatura para aumentarem os seus conhecimentos .

 

Bom , mais os pobres e os desgraçados da minha terra não podem cruzar seus braços nem viver esperando que Deus tenha misericórdia de nós , e faça um milagre para que  todos os corruptos deixem as alavancas do poder em Angola.

 

 

Fórum Livre Opinião & Justiça

Fernando Vumby

 






Debate este tópico nas redes sociais:

Comente via Facebook, Hotmail, Yahoo ou AOL!




Debate este tópico no Club-K:

Comente no Anónimato (sem iniciar sessão) ou via Redes Sociais (Facebook, Twitter, Google ou Disqus)!

Quem Somos

CLUB-K ANGOLA

CLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

Informamos o público sobre as notícias e informações ausentes nos canais informativos estatal.  Proporcionamos ao público uma maneira de expressar publicamente as suas opiniões sobre questões que afectam o dia-a-dia, qualidade de vida, liberdades e justiças sociais em Angola... Leia mais

 
 

Direcção consultiva
- Barbosa Francisco  (New York) - IT
- Massano Jorge ( New York) - Editor Principal
- Juca Manuel (New York) - Editor
- Noel Pedro (Lisboa) - Revisor
- Marcos Miguel (Brasil) - Editor
- Júlio Beto - (Holanda) - Editor
- Simão Manuel - (França - Editor
- Juca Fernandes - (Alemanha) - Editor


Telefone: New York: (315) 636 5328

Contactos

 

  • E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

  • WhatsApp: (+244) 918 512 433 Para uso no aplicativo WhatsApp apenas!

  • Reino Unido : (+44) 784 848 9436

  • Buffalo / EUA: (+1) 347 349 9101 

  • New York /USA: (+1) 315 636 5328

Newsletter

Assine a nossa Newsletter para receber novidades diárias na sua caixa de e-mail.

INSERE O SEU E-MAIL

// TAG FOR ADVERTISEMENT