A carregar...

Porquê sou da CASA-CE de Abel Tchivuku? - Júlio Kuvalela

1 1 1 1 1 Como classifica este artigo? 0.00 (0 Votos)

Luanda - Sou da CASA-CE porque acredito em Deus Pai e lá, na CASA-CE, teme-se a Deus, fonte da Vida, respeitam-se os Valores ancestrais e, sobretudo, cultiva-se e encoraja-se religiosamente a honrar as nossas línguas nativas, como a alma de cada povo que compõe o mosaico etnográfico de Angola, nossa pátria, nossa mãe, nossa Casa comum.

 

Fonte: Club-k.net

Sou da CASA-CE e voto nela porque considero que Angola é um país para cada um dos seus legítimos filhos e filhas e que, sob o lema da “Unidade na Diversidade”, podemos todos realizar-se plenamente, desde que tenhamos acesso igual às oportunidades de realização, o que a CASA-CE entende e está, técnica e humanamente, bem preparada para implementar.

 

 Sou da CASA-CE e voto nela, porque estou convencido da sua pia fé no Homem e Mulher Angolanos, cuja dignidade de pessoas humanas defende e sempre defenderá, para que as tendências da modernidade global não os traga na sua voragem voluptuosa da identidade clonada e supostamente igualada, mas que, no fundo, é pura homologação de uma só cultura.

 

Sim, a CASA-CE afirma-se no Angolano (a) e luta por sua vida digna, sua identidade africana e angolana, concebendo políticas realísticas que afrontem os verdadeiros problemas, entraves ao seu desenvolvimento harmonioso;

 

Sou da CASA-CE e voto nela porque sei que, com ela teremos uma liderança patriótica, num timão do Dr. ABEL EPALANGA TCHIVUKUVUKU, secundado por outro filho de Angola, o Almirante ANDRÉ MENDES DE CARVALHO, ou simplesmente Gen. “Miau”. Voto na CASA-CE, pois, acredito que com esses patriotas, Angola vai conhecer novos rumos, novos caminhos, caminhos de uma verdadeira e autêntica Paz, que radica na Justiça social o seu empenho no progresso económico, e não na paz dos vencedores, na clássica e destrutiva “PAX ROMANA”, tão erroneamente defendida por certos generais cá da nossa “societas”, armados em intelectuais que falsamente se arvoram em pilares da tal “Intelligence” moribunda (Vide: Jornal de Angola, n. 12605, ano 35, 18 de Junho 2012, Segunda Feira, pags. 4-5) Eu sou inteiramente contra essa Paz, fruto das armas, e que me recorda motes como este: “o poder reside e se funda no cano de um fuzil”. Isso aí de, “se vis pacem, bellum parat” [traduzindo: “se queres a paz, prepara a guerra”, nunca foi paz e nunca será ; Votemos a CASA-CE porque, acreditem-me, a CASA-CE não se fia nessa paz podre, a mísera paz do simples calar das armas, mas, SIM, a CASA-CE crê na Paz que pressupõe o desarme dos corações, segundo os cânones da “Pacem in Terris” de João XXIII. A Paz que defende a CASA-CE e sua liderança garante a Reconciliação Nacional, pois nasce da Justiça e do perdão sinceros, e prima por afrontar os antigos problemas dos homens/mulheres que deram o seu melhor pela Pátria, os Desmobilizados, Veteranos de Guerra e Antigos Combatentes e que, hoje, estão votados ao esquecimento, pura e simplesmente olvidados no limbo duma escandalosa miséria.

 

 Sou da CASA-CE e voto em cheio nela, porque com o estado corrupto da “Res Pubblica” herdada de uma governação corroída nos famigerados ‘33 anos’, só a CASA-CE e sua liderança garantem o princípio da Angolanidade, Honestidade e Competência, como critérios irrenunciáveis de uma Governação impoluta, séria e autêntica.

 

Sou da CASA-CE e VOTO vitoriosamente nela porque, sei que quem é jovem, honesto, intrépido e herói como foi Hoji-ya-Henda, vai seguir-me e entrará na CASA-CE, pois só ela poderá resgatar o sonho das nossas aspirações, só com a CASA-CE e seus líderes se poderá sonhar de novo como jovens de um país rico e portentoso, mas empobrecido pela ganância, corrupção, nepotismo e delapidação da sua enorme riqueza pela actual ‘entourage’ política, que nada mais tem a oferecer aos angolanos e angolanas. A CASA-CE de TCHIVUKU e de “MIAU” é segura e jamais desabará os seus  fundamentos, isto é, a sua firme convicção de realizar o sonho de todos os Angolanos, na senda do profetismo de Martin Luther King, da coragem de Mandume, na sagacidade diplomática da rainha Jinga Mbandi, no patriotismo de Kapalandanda e soberania de Ekwikwi, na genialidade de Katyavala, na firmeza da jovem rainha Lueji ya Nkonda, na fragrância e inteligência de Kimpa Vita, enfim, no nacionalismo de Holden Roberto, Agostinho Neto e Jonas M. Savimbi, alicerces da Nação Angolana …

 

Entremos na CASA-CE, não fiquemos ao relento; há espaço para todos os filhos de Angola na CASA-CE, não duvidem. E se ainda assim receardes entrar por receio de represálias, garanta à CASA-CE e seu Candidato o seu VOTO, que é e será sempre secreto… O seu voto significa Mudança radical, Metánoia e não Matamorfose dos que, pouco tempo atrás, foram comunistas e autocratas intemperados, e do estilo estalinista, e que hoje, talvez por milagre, também se dizem democratas… Valha-nos Deus!!!

 

Mudança é Agora, a Hora dos Angolanos, a nossa Hora! Vamos sancionar essa mudança radical com o teu voto, com o meu voto, com o nosso voto, o Voto do POVO. Há quem tenha medo dessa mudança radical dos hábitos, sobretudo os da corrupção. Há quem desconfia da dita mudança radical…  como se o adjectivo ‘radical’ fosse o mesmo que radicalismo. Não é bem assim! Existe uma enorme diferença entre os termos RADICAL e RADICALISMO… Como todos os “ismos”, o segundo termo refere-se à atitude de alguém que entende impingir o seu modo de interpretar o mundo, impor a sua cosmovisão aos outros. Radicalismo é, neste caso, sinónimo de absolutismo, imperialismo, comunismo, fundamentalismo e como já disse acima, todos os “ismos” conduziram aos píncaros da irracionalidade humana, no que à conduta humana diz respeito.

 

Pelo contrário, entendemos que ser radical é arraigar as próprias raízes bem no solo, conservando a própria identidade que, no caso nosso, é angolana, no contexto da mãe África. E basta recordar a expressão cristã “viver a radicalidade evangélica”, para percebermos que é inteiramente positiva a expressão em itálico, pois ela significa viver profundamente a mensagem da boa nova, ser autêntico, probo e inabalável. Assim procedem apenas aqueles que têm vincados os pés no chão, que não construíram a sua casa sobre a areia, mas os fundamentos bem assentes na terra firme. É isso que quer dizer RADICAL, ou RADICALIDADE, com que a CASA-CE se identifica. Por isso, sou da CASA-CE e nela voto no próximo dia 31 de Agosto de 2012.

 

 Na CASA-CE, todos os membros sentem-se mesmo em Casa, como numa família que se orienta, tanto por normas emanadas pela Autoridade paternal e maternal, como por usos, tradições e costumes que radicam a sua razão de ser, no instinto de conservação e valores éticos irrenunciáveis. E porque na CASA-CE e com a CASA-CE a governar, se defenderão os valores tradicionais da Família, com protecção da vida na procriação responsável, subsídios a famílias indigentes, encorajamento dos nascimentos como forma estratégica de tutela sábia da angolanidade etnológica no solo pátrio de Angola.

 

 A CASA-CE é a opção alterna real, eu Voto CASA-CE e ABEL EPALANGA TCHIVUKUVUKU, a coligação e o candidato da Viragem a 180º na governação de Angola, pois vai realizar os Angolanos. E tu, o que esperas ainda? Venha e faça parte da CASA-CE ou, simplesmente, não te esqueças de votar a CASA-CE e seu candidato à Presidência do País, pois é chegada a Hora, a Hora dos Angolanos, a nossa Hora. Por isso, sou da CASA-CE e voto nela…

 

*Júlio Kuvalela,  Professor Universitário, de Direito Constitucional e Ciência Política






Debate o tópico nas redes sociais:





Debate no Club-K:


NOTA: Os comentários postados neste portal são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Por favor, leia os Termos de Uso. O Club-K reserva-se ao direito de moderar os comentários suspeitos de conter palavras ofensivas e apagar os que não cumpram as regras.



Comentários Arquivados:



Actualizar comentários 

0 Dima 01-08-2012 11:38 #38
Em 2008 foram pontas para marcar golos fraudulentos. Hoje estao na defesiva. Haver vamos.
0 Paulo Bunga 23-07-2012 00:30 #37
sou de casa porque é um direito todo o ser ter uma casa onde deve morar sou da casa porque ficarao de os caes. os filhos deste país entram pela porta da casa, mas os paraquedistas ja mais entraram nela. porque a casa é somente nossa. é dos angolanos e mandamos nela. eu sou da casa.
0 kilembekissa 18-07-2012 10:47 #36
Julio Kavalela depois falamos/ e melhor porque por este lado nunca encotraras o que procuras porque deste lado so e para os fortes que sempre lutaram por este pais ( mas depois falamos)
0 Pedro Manuel 18-07-2012 09:18 #35
Eu sou da casa porque não sou SANTOMENSE. SOU ANGOLANO PURO.
0 SULANO 17-07-2012 23:31 #34
TCHIVUKUVUKU NAO VAI NOS FAZER PERDER SE AGENTE LHE VOTAR !!?? HOHO! A SUKU YANGE!!! A QUEM VAMOS VOTAR NO MPLA JAMAIS, NA UNITA JAMAIS, PRS , NOVA DEMOCRACIA E FNLA NAO PRESTAM TALVEZ CASA-CE JÁ. VOTE NA CASA-CE!
0 António Revoltado 16-07-2012 18:54 #33
Olham meus irmãos só não ve quem não quer ver no MPLA não voto. so na morte
se a unita ganha está bom mas meu voto vai pra casa-ce o papoite tem cara,politica de verdade,e ama os angolanos quem não acredita é um catchikukuvanda aaaaaaaaaaaaaa.
0 londrino 16-07-2012 17:34 #32
se este e o caminho politico que escolheu entao que assim seja"CASA-CE".
-1 MR 16-07-2012 16:47 #31
TA TUDO BEM VAMOS ACOMPANHAR MAS VEJAM PODE NÃO HAVER ELEIÇÕES,OU UM CLIMA DISFAVORAVEL PARA VOTAR SEGUNDO A UNITA E DEPOIS...
0 Puriense 16-07-2012 12:44 #30
Esse macaco ai k está a defender o M nao tem vergonha meus senhores, eu sou apartidário, mas se eu fosse do M, teria vergonha hoje em dizer k o sou porque o sofrimento desse povo é demais irmaos, nao sejamos parvos para falar bem do que está mal aos olhos de todos, mas uma coisa é certa, apesar de ser apartidário, votarei na Casa Ce, porque precisamos mudança, ja perdemos o nosso tempo todo de vida vivendo de miséria, ruinas, em fim, apenas uns nascem e crescem em berçu de ouro qdo na verdade essa Angola é de todos nós, chega!!! Angola diz basta, precisamos mudança, é preciso sangue novo ai no poder, força Casa Ce, estou contigo, no dia das eleições levarei todos os meus filhos, sobrinhos, primos, enteados, as minhas cabras, porcos, galinhas e wherever para te votarmos, precisamos tirar daí esse nome M.....Morte!!!! !
0 E A HORA 16-07-2012 11:51 #29
A minha familia votará para CASA-CE, em suma está ganho, gloria Dr. Abel, Miau, verdadeiros filhos de Angola.
leftCLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

O CLUB-K.net foi fundado aos 7 de Novembro de 2000, e é integrado por jovens angolanos (voluntários), com missão representativa em diversos países e reconhecido a nível internacional como uma organização não governamental.

REDES SOCIAIS

NEWSLETTER

Assine a nossa Newsletter para receber novidades na sua caixa de e-mail. "Gosta" da nossa página no Facebook para receber novidades na parede do seu perfil no Facebook.

INSERE O SEU E-MAIL