Carta aberta à Igreja Universal - António Duarte

Á
DIREÇÃO DA IGREJA UNIVERSAL


C/C:
Das Igrejas Metodista Unida, Simão Kimbangu
Assembleia de Deus Pentecostal
Adventista do Sétimo Dia, Igreja Evangélica Congregacional em Angola
Igreja Evangélica dos Irmãos em Angola (IEIA).


Advertência

Antes de mais, votos de boa disposição e saúde à todos Lideres das denominações acima supracitado.

O que vos escreve é vosso filho, não é mais menino no conhecimento dos princípios e obrigações dos líderes dentro de uma religião, mas é sim cauteloso quanto aos falsos doutores da Lei, semeadores de contendas, manipuladores, violadores aos direitos humanos e incumpridores à própria Constituição.

Talvez me expresse mal, mais peço que emprestem-me a vossa atenção por um tempo para esta tão importante informação. É com muita tristeza que vos escrevo, pois urge toda necessidade de o fazer, porquanto tendes semeado contendas entre os irmãos, ao que me leva a desejar saber o seguinte:

Vós sois Embaixadores de Cristo ou Embaixadores de homens? Porventura fostes chamados a anunciar a vontade e a palavra de Deus ou fostes chamados a semear contendas? Ou não sabeis que a contenda traz dispersão.

Quem vos deu novo mandamento para determinar pelos irmãos a quem votar?

Estes a quem vos quereis nos entregar, não medem limites quando desejam alcançar algo. Porventura alguém esqueceu a farsa da Constituição, aprovada em 2010 no dia em que estávamos todos distraímos com os jogos do CAN?

Quem esqueceu das denúncias que o Comissário-Joaquim Vieira Ribeiro iria fazer contra o executivo no puder?

Pois vos digo que nem a este MPLA e nem a outro Partido qualquer deveriam indicar-nos como o ideal para votar, porque fostes chamados enquanto líderes para ajuntar e não separar uns dos outros. 

Irmãos líderes ao que diz a Bíblia, vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a Nação Santa, o povo adquirido por Deus, para que anuncieis as grandezas daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz. Pelo muito respeito e consideração que tenho por vós, se é que tendes chamada de Deus para introduzir no coração de cada um a luz proveniente de Deus que é a esperança de vida. Vocês não deveriam misturar-se em questões políticas e em disputas Partidárias, digo isto para quem de facto é líder religioso, aquele que busca os interesses de Deus e não o seu próprio interesse.

Quando vi o Governador Provincial de Luanda (Bento Bento), não na sua pessoa, mas como mensageiro do seu Partido MPLA, subir no púlpito, num lugar Santo (se é que ainda é Santo), para falar de questões politicas e de campanha, lembrei-me então da Cidade de Sodoma e Gomorra que foi destruído por Deus por se ver corrompida no pecado. Assim como a Igreja sem Cristo não tem vida, também não terá vida se tivermos uma liderança corrompida por terceiros, precisamente por isso é que hoje percebo porque da falta de unção de Deus em vocês como foi em outros tempos.

Por receberdes do executivo alguns bens e um espaço para a construção de Igreja, não vos dá o direito de entregar ao MPLA aqueles por quem Deus comprou com seu Sangue para os tornar livres de escolha e livres de tudo. Onde estará então aqui o cumprimento da Constituição no seu Artigo 10º capitulo 1, que fala sobre a separação do Estado e as Igrejas?

Devemos sim obediência as Autoridades constituintes, mas dentro daquilo que foi plasmado na Constituição.

As calunias de homens descrentes sobre tal atitude por vossa parte, não deve ser ignorada, porque ai esta o povo verdadeiro que quer abraçar a palavra de Deus. Vocês estão a matar a fé e a esperança daqueles que um dia decidiram acatar os princípios bíblicos, pela simples razão de nas vestes de líderes religiosos realizarem um papel que é individual, única e singular de cada crente, sendo este um ato que os assiste sem qualquer influência, e enviando-os á um partido com todo tipo de comportamento mundano sob violação aos direitos humanos e do Angolano.

Sois vos líderes, que deviam dar o exemplo da respeitabilidade para a concretização dos valores fundamentais do Homem que em geral exige a presença de alguns pressupostos indispensáveis que é a verdadeira Paz. Pelo que, esta Paz verdadeira não requer apenas a ausência da guerra ou de conflitos violentos, mas também requer o fim da opressão, o fim da política imposta por meio da fraude, o fim das injustiças sociais, o fim dos níveis de desigualdades absurdas entre ricos e pobres, esta paz verdadeira requer também a livre expressão e ou manifestação para se conquistar a alternância que é um princípio de Paz verdadeira.

Não inviabilizem a possibilidade de o Povo Angolano escrever a sua própria história, Angola precisa estar nas mãos dos Angolanos e isso só é possível por meio da Democracia.

Vocês não estão a dar exemplo de líderes religiosos. Que líderes vocês estão a preparar em vossas Igrejas? Vocês não lembrem de Sadraque, Mesaque e Abdenego que por nada se renderam ao Rei chegando no final ver a glória de Deus? Porventura já perderam a esperança em Deus. O vosso exemplo conta muito para a concretização da Democracia, ou pensem vocês que ainda estamos no Egipto para nos submetermos a faraó.

Meu vizinho e amigo, é efectivo do Ministério da Saúde, tornou-se hoje num Empresário com o desvio do erário público, pois é fraca a fiscalização em muitos Ministérios público por parte do executivo. Mas hoje ele percebeu que a vida dos Angolanos não se resume apenas na sua vida pessoal. Quanto a vocês que noutra oura nada tinhas a ver com a política, enquanto alguns de forma séria decidem deixar de pactuar com aqueles que desencaminham o erário publico, vocês decidem ajuntar-se a estes somente agora, isto é de facto um absurdo, ou não ouvistes o Camarada Presidente dizer: chegou a hora de distribuir melhor ?

O ladrão que tem contas com a justiça, não pode dar exemplo nenhum e nem corrigir os outros enquanto não pagar com cadeia pelos crimes. Como vocês pensam que este executivo/regime vai acabar com a corrupção e a fraude?

Será porventura fazendo outra fraude e corromper a CNE que vai acabar com a corrupção e distribuir melhor?  Ou não sabeis que a corrupção bloqueia o desenvolvimento de qualquer Pais? (não digo crescimento mas sim desenvolvimento).

Irmãos Vejam o seguinte:

O Ex-Comandante Provincial de Luanda, Comissario- Joaquim Vieira Ribeiro, ameaçou fazer denúncias contra o executivo/regime do MPLA, denuncias estas que poderia fazer parar o Pais. Contra o qual, o regime não consegue mandar o seu Tribunal julgar o caso que pesa sobre o Comissário á mais de 2 anos, antes ao contrario levando inocentes para ofuscar a veracidade dos factos por formas a silencia-lo.

Com isto, quem é que ele pensa por na cadeia para organizar e distribuir melhor?

O regime teve a descarada iniciativa, nas mãos dos seus peritos, em criar uma foto-montagem, onde aparecia o próprio JES, Nando e Kopelipa algemados e a serem julgados. E com o apoio dos seus infiltrados no Jornal folha 8 divulgarem a fotografia. No sentido de levar ao Tribunal o senhor Jornalista William Tonet, director do referido Jornal, para então puder fragilizar, extinguir ou desacreditar esta grande fonte noticiosa daquilo que é a realidade de Angola e dos Angolanos.

O regime foi mais além, como forma a reforçar os seus métodos de controlo de tudo e todos, necessitava então de desenformar aquilo que deve ser informado, afiliaram-se então ao jornal Popular e o jornal Factual com verbas do erário público. Como o camarada JES, não tem limites quando quer atingir os seus fins, pisoteia tudo e todos, no seu próprio punho á lapiseira, deixou de parte a Ministra da Comunicação Social – Carolina Cerqueira, exonerou e nomeou o novo conselho de Administração da TPA e RNA, para melhor desenformar e monopolizar.Mas como vos mesmos lideres sabeis que a verdade liberta e prevalece, este Jornal folha 8 tem até hoje funcionado e publicado.

A luz do artigo 44º (liberdade de Imprensa), felizmente este Jornal Folha 8 publicou muitos casos de violação grave aos direitos humanos e do Angolano, como por exemplo os seguintes:

1. Guarda Presidencial do amigo do Povo/JES, matou jovem de nome Maria Emanuel António Canga, de 30 anos, aluna universitária da Independente de Angola, onde frequentava o 5º ano do curso de direito, segundo marido estava gravida, apos o atirador ter feito o disparo contra a mesma, o marido tentava socorre-la para o hospital mas os guardas impediram-no de passar com o carro devido a presença do PR na zona. Após o sucedido os guardas Presidencial tentaram subornar a família, (vê-se publicado no Jornal Folha 8 aos 23Jun2012/sábado, na pagina 13).

2. O Tribunal de Constas, rejeitou as queixas formalizadas pelo activista dos direitos humanos Rafael Marques, que indicava Dirigentes do regime em crimes nas Lundas e não só, (vê-se publicado no Jornal Folha 8).

3. Aníbal Rocha agrediu fisicamente o seu próprio Guarda - Raimundo Kukica/Policia pertencente á CUPIP, a agressão ocorreu na sua Casa de Praia por volta das 00h e 50 minutos, no dia 09 de Junho de 2012, batendo-o com ferro no ombro esquerdo e na cabeça. Após a situação, Aníbal deu-lhe 15.000 kwanzas, pois eram graves os ferimentos. (vê-se publicado no Jornal Folha 8 aos 23Jun2012/sábado, na pagina 21)

4. No passado dia 27MAIO2012, dois dos Guardas Presidenciais, nomeadamente Alves Camulingue e Isaías Cassule, a luz do artigo 47º, tentaram organizar uma manifestação contra as más condições a que lhes são impostas neste serviço de prestigio e risco, foram de seguida raptados, (vê-se publicado no Jornal Folha 8 aos 23Jun2012/sábado, na pagina 32).

OBS: é da responsabilidade do Comandante-em-Chefe/PR, o esclarecimento do referido caso e como nada consegue dizer após varias exigências e porque até hoje não aparecem, prevê-se então estarem estes mortos, (o esclarecimento não pode ser feito depois das eleições, rogaram os familiares dos mesmos).

5. A Empresa Chevron, despediu um dos seus funcionários pelo facto de este vincular-se ao Partido CASA-CE, e a mesma Empresa apresentou argumentos não convincentes (vê-se publicado no Jornal Folha 8 aos 21Jun2012/sábado, na pagina 12).

6. Na Província de Benguela esteve reunida os jovens Universitários com o Embaixador Norte-americano, que aconselhou a participarem em debates e a usar aquilo que muito se usa nos países onde se faz sentir a democracia que é a Constituição (vê-se publicado no Jornal Folha 8 aos 21Jun2012/sábado, na pagina 31).

7. Dirigentes desempregam Angolanos e Empregam estrangeiros (vê-se publicado no Jornal Folha 8 aos 14Jun2012/sábado, na pagina 12). 

8. No que toca a situação do voto no exterior e o voto antecipado. O Presidente da CASA-CE, após a reunião no dia 13Jlho2012 com o Presidente da CNE que durou duas horas, o Presidente da CASA-CE disse ter entrado com algumas preocupações e saiu mais preocupado ainda daquela reunião, devido tais situações por parte do regime em criar mais uma fraude com o voto no exterior e o voto antecipado, o Presidente Samakuva deu a CNE até 01 de Agosto para correção da referida pratica (vê-se publicado no Jornal Folha 8 aos 14Jun2012/sábado, na pagina 14).

OBS: A CNE (sob ordem do executivo-regime), após 15 dias da reunião Com Dr. Abel, veio a público no dia 28Julho anular o voto antecipado argumentando ser problemas de logística. Pelo que já sabemos de fontes segura que o regime está agora a adaptar outro meio de aplicar a fraude.   


NOTA IMPORTANTE:

Estas poucas publicações acima firmada, contribuíram para se despertar aquilo que são as violações dos direitos humanos. A Organização Internacional dos Direitos Humanos a Human Rights Watch (HRW), enviou para Angola uma Carta após um dia da abertura da Campanha, no dia 01 de Agosto de 2012, que manifestou sérias preocupações em relação ao ambiente dos direitos humanos em Angola, e considerou "não ser favorável a eleições livres, justas e pacíficas.


Que trouxe recomendações ao Governo de Angola, mas também á Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) e a Comunidade Diplomática no país.


NOTA EXTREMAMENTE IMPORTANTE:

Meus queridos irmãos e líderes, como disse e tornarei a dizer que este regime não tem limites quando deseja alcançar algo, pisa tudo e todos. Começou já os preparativos para uma outra manipulação ao que indica-nos a dança será a mesma envolvendo todos os distraídos. A manipulação consiste em uma dança das cadeiras como é o hábito do regime em por uns contra outros, com falsos e pobres argumentos.


No pretérito dia 07 de Março de 2011, estava organizada e agendada uma manifestação contra dos Santos, a luz da constituição no seu artigo 47. O executivo criou uma contra-manifestação ameaçando em vários Sectores Sociais a despromoção de certas pessoas caso não aderissem a manifestação, o qual argumentou estarmos a ser vítimas pelas forças externas de guerra, o que não é verdade. Nesta altura promoveu uma manifestação de Marcha pela Paz para demonstrar unidade Nacional.

Caros líderes, surpreendentemente o Jornal Factual do regime entra novamente em acção, neste 4 de Agosto de 2012 com a seguinte publicação:

a) Publicou haverem forças estranhas na Província de Cabinda, informação prestada pelo Chefe do CEMGFAA, General Nunda.

b) Publicou também na mesma edição de 4 de Agosto de 2012, que a Organização Internacional dos Direitos Humanos a Human Rights Watch (HRW), esta a querer bloquear Angola, pelo simples facto de enviar para Angola uma Carta de recomendações para a reposição dos direitos humanos em Angola. Diz o Jornal Factual que a Human Rights esta a querer bloquear Angola.

Aqui vai a minha advertência caros irmãos líderes, em estarmos atentos contra esta vergonhosa estratégia do regime em desenformar-nos, na intenção de mais uma vez o regime aparecer como o Salvador dos Angolanos para conseguir credibilidade e dai obter votos.

Analise comigo. O argumento das forças estranhas feita na alínea a foi fabricada tão somente para trazer credibilidade, peso e sustentabilidade á desinformação feita na alínea b que fala sobre a recomendação dos direitos humanos em Angola dita pela Human Rights. Intenção que visa tão-somente levar Angola á mais uma daquelas Marchas pela Paz contra a guerra (lógico inventada pelo regime). Precisamos muito estar atentos a estas astucias do regime/dos Santos/MPLA.

OBS: se esta estratégia se concretizar, o MPLA estará em vantagem em relação a qualquer Partido, inclusive o CASA-CE que esta no excelente passo. Esta estratégia na minha opinião só será possível contraria-los quebrando a base do plano que é em Cabinda ou outra área.


Meus queridos lideres, hoje vos rogo a que permaneçam no comportamento com base os princípios bíblicos não dando ouvidos e fazendo das palavras deles as vossas palavras, antes façam o contrario primando pelo uso legitimo da vossa posição entre todos, segundo diz a Bíblia – I de TIMÓTEO 1 Capitulo 3 á 8, II de TIMÓTEO 2 Capitulo 14, 15 e 20 á 25. 

Luanda, aos 04 de Agosto de 2012

António Duarte






Debate este tópico nas redes sociais:

Comente via Facebook, Hotmail, Yahoo ou AOL!




Debate este tópico no Club-K:

Comente no Anónimato (sem iniciar sessão) ou via Redes Sociais (Facebook, Twitter, Google ou Disqus)!

Quem Somos

CLUB-K ANGOLA

CLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

Informamos o público sobre as notícias e informações ausentes nos canais informativos estatal.  Proporcionamos ao público uma maneira de expressar publicamente as suas opiniões sobre questões que afectam o dia-a-dia, qualidade de vida, liberdades e justiças sociais em Angola... Leia mais

 
 

Direcção consultiva
- Barbosa Francisco  (New York) - IT
- Massano Jorge ( New York) - Editor Principal
- Juca Manuel (New York) - Editor
- Noel Pedro (Lisboa) - Revisor
- Marcos Miguel (Brasil) - Editor
- Júlio Beto - (Holanda) - Editor
- Simão Manuel - (França - Editor
- Juca Fernandes - (Alemanha) - Editor


Telefone: New York: (315) 636 5328

Contactos

 

  • E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

  • WhatsApp: (+244) 918 512 433 Para uso no aplicativo WhatsApp apenas!

  • Reino Unido : (+44) 784 848 9436

  • Buffalo / EUA: (+1) 347 349 9101 

  • New York /USA: (+1) 315 636 5328

Newsletter

Assine a nossa Newsletter para receber novidades diárias na sua caixa de e-mail.

INSERE O SEU E-MAIL

// TAG FOR ADVERTISEMENT