Jorge Valério Coelho da Cruz - In Memorium

Luanda  - Jorge Valério Coelho da Cruz nasceu a 11 de julho  de 1992. Os primeiros três anos de vida passou na rua das Beiras, bairro Terra Nova, Rangel. Filho de António Cristo Coelho da Cruz e de Euridice Paula Sebastião, é caçula entre três irmãos.


Fonte: SA

Aos três anos de idade parte com a família para Portugal, a acompanhar o pai que na altura era basquetebolista e havia sido contratado por uma equipa lusa. Acomodam-se em Torres Vedras, no Distrito de Lisboa, seguindo depois para Vila Nova de Gaia.


Foi ali onde faz os seus estudos primários e permaneceu até à adolescência. Um dos seus defeitos, muito por conta da convivência, quase desde a nascença, com a cultura portuguesa e a raça branca, dizia sempre, quando criança, que não era negro. Mesmo depois de crescido mostrou sempre sinais  de aculturação. Jorge Valério era um rapaz de personalidade forte, era alguém que não gostava de levar desaforos para casa e engolir sapos não fazia parte do seu dicionário, tão pouco do seu quotidiano, como diz um seu parente.


«Era um rapaz muito calmo, um miúdo muito fino. Nunca foi amigo de bebidas alcoólicas. Ele podia ter algumas diferenças com os irmãos, mas nunca com vizinhos ou pessoas de fora», agrega o seu familiar.


Em 2008 regressa a Angola definitivamente. Em Luanda, Jorge Valério continuou os seus estudos no colégio Miramar, onde tinha uma tia como directora. Essa escolha foi intencional porque permitia aos familiares terem um maior controlo e melhor acompanhamento do menino. E por conta disso, ele sempre foi um aluno aplicado. Sempre apresentou boas notas.


Jorge Valério era um rapaz muito carismático, principalmente no seio das meninas e também muito vaidoso. Gostava de ginásio, não por desporto, mas para manter o corpo escultural. Não hesitava em pegar uma t-shirt nova do irmão mais velho ou até um perfume para aparecer bem.


No principio do ano corrente fez o teste para ingresso na Universidade Lusíada de Angola, curso de gestão de recursos humanos, em que aprovou. Estava a frequentar o primeiro ano do referido curso. Até à data da sua morte o jovem mantia uma rotina que se limitava a encontros com os amigos (às vezes até altas horas), escola, casa e nos finais de semana gostava de se divertir. ■






Debate este tópico nas redes sociais:

Comente via Facebook, Hotmail, Yahoo ou AOL!




Debate este tópico no Club-K:

Comente no Anónimato (sem iniciar sessão) ou via Redes Sociais (Facebook, Twitter, Google ou Disqus)!

Quem Somos

CLUB-K ANGOLA

CLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

Informamos o público sobre as notícias e informações ausentes nos canais informativos estatal.  Proporcionamos ao público uma maneira de expressar publicamente as suas opiniões sobre questões que afectam o dia-a-dia, qualidade de vida, liberdades e justiças sociais em Angola... Leia mais

 
 

Direcção consultiva
- Barbosa Francisco  (New York) - IT
- Massano Jorge ( New York) - Editor Principal
- Juca Manuel (New York) - Editor
- Noel Pedro (Lisboa) - Revisor
- Marcos Miguel (Brasil) - Editor
- Júlio Beto - (Holanda) - Editor
- Simão Manuel - (França - Editor
- Juca Fernandes - (Alemanha) - Editor


Telefone: New York: (315) 636 5328

Contactos

 

  • E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

  • WhatsApp: (+244) 918 512 433 Para uso no aplicativo WhatsApp apenas!

  • Reino Unido : (+44) 784 848 9436

  • Buffalo / EUA: (+1) 347 349 9101 

  • New York /USA: (+1) 315 636 5328

Newsletter

Assine a nossa Newsletter para receber novidades diárias na sua caixa de e-mail.

INSERE O SEU E-MAIL

// TAG FOR ADVERTISEMENT