Londres – Circula em meios, com sentimentos afectos ao regime angolano, um esboço (com fotografias anexadas) criticando uma suposta “ostentação” de um adolescente apresentado como filho do Presidente da Convergência Ampla de Salvação de Angola (CASA-CE), Abel Epalanga Chivukuvuku.

Fonte: Club-k.net

Alegam que ostentaçãonão esta apenas no MPLA

Os autores do esboço, entitulado “a vida “miserável” do filho de Abel Chivukuvuku”  declaram que “a ostentação não é um síndrome exclusivo dos filhos dos dirigentes do MPLA como muitos de nós compulsivamente propagandeamos e copiosamente vomitamos.”


O reparo que fazem terá sido em função de imagens retiradas das redes sócias em que o jovem Chivukuvuku Júnior mostra fotografia de duas viaturas (land rover e um Mercedes) de casa e numa outra o rapaz aparece em festa/discoteca ou ambiente fora do país com os seus amigos, a que os autores do esboço classificam por “vidas mulatas”.  Por conseguinte lançam perguntas ao ar, questionando os rendimentos do progenitor do jovem.


“O calor das caprichosas festas partilhadas na Internet, revelam o gosto e a apetência pela luxúria do progenitor de Abel de Chivukuvuku, que orgulhosamente repudia o laxismo nos suculentos discursos pseudo-patrioticos, pela defesa da moral e dos bons costumes cristãos.” Escrevem os autores questionando ao líder da terceira força política em Angola “aonde vem o dinheiro que o teu progenitor exuberantemente exibe e esbanja? Que rendimentos permitem o teu educando levar esta vida “mulata” quiçá “branca”?”


Ainda de acordo com o esboço, os seus protagonistas questionam a origem  dos rendimentos de Abel Chivivukuvu “rendimentos permitem o teu educando levar esta vida “mulata” quiçá “branca”? Contigo no poder o que teremos? Luxúria, laxismo, álcool e prostitutas...”


Anexado ao esboço, da criticas estão  fotografias subtraídas na internet em que o jovem Chivukuvuku Jr, aparece com os   amigos e respectivas companheiras.

 

{edocs}http://club-k.net/images/pdf/chivukufilho.pdf, 710, 600{/edocs}

{gallery}fotos03{/gallery}



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: