Luanda  - Informações relatadas por uma testemunha do assassinato do Inspector Municipal da UNITA, em Cacuaco apontam que contingente de 11 agentes da polícia que protagonizaram o crime desta madrugada se faziam transportar numa viatura de marca Hilux com a chapa de matrícula LD – 55-09 EG, estacionada nas imediações da casa de Filipe Sachova Tulisanga.

Fonte: UNITA

De acordo com a testemunha, antes de chegar a residência de Filipe Sachova, os agentes da corporação bateram portas dos vizinhos no mesmo quintal e ao constatarem que não eram a pessoa visada, ordenaram entrarem para o interior das suas casas.


Entre os agentes encontrava-se o senhor Pena, segundo Comandante da Esquadra do Bom Pastor, a quem Filipe Sachova conhecia e estendeu a mão para cumprimentar, tendo recebido em resposta uma bofetada.


Na sequência, refere a testemunha ocular, os agentes levaram o malogrado para fora do quintal, tendo em seguida escutado disparos de armas de fogo.


“Ao amanhecer encontramos o corpo estendido no campo”, concluiu a fonte.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: