A carregar...
Registo de Dominios Angolanos - .AO, .CO.AO, .ED.AO, .GV.AO, .OG.AO e .PB.AO

“Vamos apanha-los!”: DENUNCIE OS MALFEITORES - Isomar Pedro Gomes

1 1 1 1 1 Como classifica este artigo? 0.00 (0 Votos)

Benguela  - Seja activo na sua segurança e ajude na dos outros. A sua colaboração é importante! – (spot publicitário da policia Nacional)

Fonte: Club-k.net

Rafael Marques alvo de espionagem informático.


A história criminalística menciona que por muito cuidadoso que o potencial criminoso é, acaba sempre por cometer o muitas vezes, microscópico erro/deslize fatal que acabará denunciando-o e permitir um trabalho investigativo que invariavelmente, culminará por o levar as “barras do tribunal”.


O ataque informático, a violação de privacidade e o roubo de dados digitais, é um crime sério e grave; na Europa, Austrália, Canadá e EUA (em Angola, não!) Os barões da “situação” em Angola, acabaram finalmente de dar o “passo em falso”, daí o júbilo (mencionado como titulo do presente texto) de Rafael Marques (RM) e de Jacob Appelbaum (JAp), programador e especialista em hacking.


A LOCALIZAÇÃO


“Jacob Appelbaum identificou o autor do programa de espionagem, especificamente elaborado para o jornalista, e o servidor para onde foram inicialmente transferidos os dados recolhidos do computador. Mais adiante, o especialista rastreou endereços e informação preliminar sobre os supostos contratantes da operação”.


“Os ingredientes” necessários de qualquer investigação, estão praticamente alcançados; Que, Quem, Como, Quando, Porque… claro que está faltando ‘expandir’ a identidade do “Quem”.


Conhecendo os bastidores e corredores da “situação” e a facilidade com que os “barões” do poder confundem o “particular com o oficial”, é fácil prever que algumas das localizações e envolvidos (anexos do ‘Quem’) acham-se seguramente em algumas residências oficiais de embaixadas ou serviços diplomáticos (e diplomatas) de Angola, alguns deles já devem “tirar o pé” em direcção a ‘bwala’. Mais um “Angolagate” vem a caminho ou está em “formação”, será?!

BATER NO FERRO QUENTE!

Agora, o cerco vai começar a tomar forma, os órgãos de justiça do local de residência do presumível criminoso bem como dos “senhorios” de endereços dos supostos contratantes, vão entrar em ação, desnecessário será descrever o que se seguirá, creio que todos “já vimos o filme”.

Julgamento, indeminização pesada (até ficarem marrecos!) e finalmente cadeia, claro. Numa primeira estância vão apanhar aqueles que não poderão “camuflar” a sua identidade, ou melhor a “raia miúda”. Provavelmente “eles” não terão outro remédio (apesar dos milhões de ‘bufunfa’ bruta que cairão ‘milagrosamente’ nas suas contas bancárias ou de terceiros) senão divulgar os verdadeiros mandantes da ilegal operação que se escondem entre os “barões do poder” em Angola, e a justiça acabar também por indiciar a estes, uma vez que o crime foi praticado na Europa, os tribunais Europeus terão legitimidade de proceder o julgamento de tais barões, que poderá culminar com mandatos internacional de captura.

Os barões do poder cá do sítio, habituados a tudo corromperem com o dinheiro que facilmente “lhes cai na algibeira”, vão seguramente tentar imitar Tom Cruise (IMF), comprar RM e JAp (mas nós já conhecemos a integridade do nosso mano), vão tentar fazer chantagem politica, com os governos dos Países onde recair a queixa, como aconteceu com o caso Falcone, para abafarem o “caso”…

Vão tentar inclusive, o velho truque fantasmagórico; “INIMIGOS DE ANGOLA” para ‘eles’ tudo que é contra a desgovernação e contra a corrupção, constituem-se imediatamente em inimigos de Angola, e vão adicionar que tais estão em conluio com a oposição, para derrubar o regime, sublevar o povo e “fazerem” o retorno a guerra. (vamos ver!).

Eles “gramam a brava” de fazerem “banga” nas europas, para onde se deslocam a pretexto de fúteis e esfarrapadas desculpas, “até para fazerem manicure/pédicure” em luxuosos jatos particulares, e quando tal acontecer, “vão provavelmente ‘chocar’ com os mandatos emitidos” a semelhança do que aconteceu com o finado ‘colega’ latino-americano “ditador vitalício; Pinochet”.

Em nome dos humildes, dos pisoteados, humilhados, famintos, sem tecto, espoliados etc., etc., vamos (aqueles que o podem fazer) seguir o desenrolar desta interessante “pelicula”, dure o tempo que durar, e aplaudir em uníssono; “VAMOS APANHA-LOS!”

Desejamos um bom trabalho a Rafael Marques ao seu companheiro Jacob Appelbaum e equipa. Malhem! “Enquanto o ferro está quente”.

“o divino mestre promete o PRÊMIO, não para quem começou bem, mas para aquele que PERSEVERAR até ao fim” – Padre pio de pietrelcina

Isomar Pedro Gomes






Debate o tópico nas redes sociais:





Debate no Club-K:


NOTA: Os comentários postados neste portal são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Por favor, leia os Termos de Uso. O Club-K reserva-se ao direito de moderar os comentários suspeitos de conter palavras ofensivas e apagar os que não cumpram as regras.



Comentários Arquivados:



Actualizar comentários 

0 Daniel lsaac2 04-06-2013 17:42 #4
Força Rafael Marques mais força e não dissistá porque se dissistir você e nos.
Estamos fritos.
O senhor grande como muitos outros também que regime querem silênciar a .
Tudo.força
+1 CHICAS 04-06-2013 00:51 #3
----------FORCA RAFAEL MARQUES E SUA EQUIPA.,,,,,,,U M DIA SEREMOS LIVRES E VAMOS CELEBRAR TODOS JUNTOS A SUA E NOSSA VITORIA,,,,,,,, ,,,,BRAVO GUERREIRO,,,,,, ,,
+1 londrino 03-06-2013 14:17 #2
mais um belo artigo do cota Isomar Pedro Gomes e mais uma vezes pegou bem"Vamos apanha-los Denuncie os mafeitores", Viva Rafael Marques,Viva Isomar Pedro Gomes,Viva Jacob Appelbaun e equipa.
O LUGAR DOS GATUNOS DOS COFRES DE ESTADO ANGOLANO E NA CADEIA.
+2 Garra 03-06-2013 14:15 #1
Dessa vez, não escaparão. Ataque total Rafael Marques. Quero um tubarão do regime na Cadeia e que seje bem longe de Angola e de África.
leftCLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

O CLUB-K.net foi fundado aos 7 de Novembro de 2000, e é integrado por jovens angolanos (voluntários), com missão representativa em diversos países e reconhecido a nível internacional como uma organização não governamental.

REDES SOCIAIS

NEWSLETTER

Assine a nossa Newsletter para receber novidades na sua caixa de e-mail. "Gosta" da nossa página no Facebook para receber novidades na parede do seu perfil no Facebook.

INSERE O SEU E-MAIL