A carregar...

Angola: Guerra civil à espreita? - Prof.N'gola Kiluange

1 1 1 1 1 Como classifica este artigo? 2.25 (4 Votos)

Nova Iorque  - Hoje, a questão já não é quando a guerra se torna numa necessidade, mas como preveni-la. Isso, aliás, deveria ser uma preocupação imperativa... conquanto as vidas dos nossos próprios filhos estão em perigo, porque o "feitor da guerra" em Angola naturalmente  ousará utilizá-los como «carne para canhão.»

Fonte:Ponto-final.net

Estamos a cavalgar ininterruptamente para uma encruzilhada em que a autoridade das balas prevalecerão sobre  o  « consenso racional»... enquanto a oposição busca por uma alternância civíca e pacifíca, José Eduardo dos Santos quer se manter no poder indefinitivamente!

É visível e indiscutível que o sr. José Eduardo dos Santos representa interesses alheios aos do único e legítimo proprietário de Angola –O POVO ANGOLANO!, e está determinado em impôr-lhes a sua vontade a qualquer preço.

É incocebível, por exemplo, que 38 anos depois do "colono" ter  saído do país ainda não temos abastecimento adequado de água potável, energia elétrica, serviços básicos de saúde... mas, temos a 1º mulher bilionária da África... em Washington D.C fomos capazes de contractar Luis Costa Ribas ("non-achiever!") por um salário de 12 mil dólares mensual... os russos preparam-nos um "suposto" primeiro Satélite a preço de mais de 400 milhões, quando uma em cada quatro crianças angolanas sofre de má nutrição crónica e morre de fome...

Ora, permitir Dos Santos transformar Angola, uma vez mais,  num palco de batalhas entre as potências  militares  estrangeiras – é tanta cumplicidade junta e grande ameaça `a nossa própria existência humana.

Esse é o momento de ouro para nos recordarmos que os todos os assuntos cruciais do país, principalmente,  não dizem respeito `a um só  único cidadão ou  formação política, mas à todos nós...

 

E a melhor forma de exercermos os nossos respectivos direitos de cidadania seria convocarmos com urgência uma conferência nacional com a representividade de todas as forças vivas dessa nação,  para se formar um Governo de transição, comissão de reconciliação nacional, e consequentemente a reforma compulsiva e imediata de José Eduardo dos Santos.

Prof. N'gola Kiluange
Chefe Chefe de redação
 Ponto-final.net
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.






Debate o tópico nas redes sociais:





Debate no Club-K:


NOTA: Os comentários postados neste portal são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Por favor, leia os Termos de Uso. O Club-K reserva-se ao direito de moderar os comentários suspeitos de conter palavras ofensivas e apagar os que não cumpram as regras.



Comentários Arquivados:



Actualizar comentários 

0 MANUEL PACHECO 03-07-2013 09:51 #17
DEUS PAI DO CEU OLHA PRA NOS XEGA DE SOFRIMANTO DOS ANGOLANOS SERA Q O JES E O UNICO FILHO SEU EN ANGOLA . ENTAÕ PQ Q OS DE MAS SOFREN POR CAUSA DELE SR. DZ BASTA PRECISAMOS UM LIDER SCARIMATICO PRA NOS GOVERNAR UM HOMEM COM PULITICA DE VERDADE
0 TOMAS MANUEL 03-07-2013 09:42 #16
EPA O OBJECTIVO E ACABARMO CM AS PRATICAS DE MATANÇAS , JA Q NAÕ RESOLVEM OS PROBLEMAS DOS ANGOLANOS MAS SIM DOS ESTRANJEIROS. ENTAÕ ACREDITO MQ STA A SE AVIZINHAR UMA GERRA COMTRA OS DIREITOS DOS ANGOLANOS EM 1ªLUGAR ENTAÕ SO NOS RESTA MESMO CONFUSAÕ (LEMBRENSE OQ ACONTECEU EN 1961)
0 gugu 18-06-2013 17:24 #15
meu sr alternancia pacifica sao as eleicoes , ja and continuarao a acontecer, elections have consequances , remember that , when u dont win means that someone else will govern , simple as that
-1 londrino 18-06-2013 13:13 #14
o Prof.N'gola Kiluange tem toda razao as coisas em Angola estao mesmo a caminhar pra uma guerra civil com esses assassinatos dos militantes da UNITA perseguicoes dos nossos grandes jovens,miseria, fome,corrupcao, enfim a situacao no pais so esta a piorar cada dia que passa e tudo por culpa de um homem"JES",louc ura.
0 Dr mandavid 18-06-2013 12:00 #13
Ele vai morrer.
0 angola de malange 18-06-2013 07:21 #12
Sr.Professor você é um agitador de massas esse é o seu desejo cabrão ,onde voce andou no tempo da guerra ,voce quer é criar pãnico vai la iscrever pra outras pessoas a nós angolanos interessados na paz não seu cabrão.
-3 Valódia de Freitas 17-06-2013 16:29 #11
Para quem vive no estrangeiro (Portugal) falar de guerra como solução para os problemas dos angolanos é fácil. Mas no fundo sabem que nós angolanos sempre procuramos entendermo-nos conversando e assim será, Estaõ a perceber:
0 Morgado 17-06-2013 15:11 #10
Fico pasmado com a attitude de certos comentaristas.A ntes de crticarem, leiam bem o artigo.Se tiverem problemas de compreender, pecam ajuda alguem mais instruidos que voces, o que nao e' crime algum!Embora seja uma pessoa muito controversia, eu acho que o Prof Kiluanji tem razao, todos temos de decidir o futuro de Angola. Caso contrario, a segunda Guerra e' inevitavel. E o Kiluanji esta' certo ao dizer que Jose' Eduardo dos Santos vai certamente utilizer os nossos filhos como carne de canhao, e depois dar trabalho aos portugueses, chineses, brazileiros,etc .
-4 Zungueira Matilde 17-06-2013 14:51 #9
Prof.Kiluanje, tenho a impressao que uma boa sauna a noitinha tirava-te essas ideias provocatorias.S e tivesses em Luanda mandava os meus guardas irem a tua busca.Concordo contigo meu bem.Uma conferencia nacional e' a melhor escolha para nos livrarmos de uma segunda Guerra.O Prof. tem razao: todos angolanos devem decidir o futuro de Angola.Quando estiveres em Luanda, chama-me.Um beijo de sua apaixonada, Matilde.Muah!
-4 PATRIOTA 17-06-2013 10:53 #8
Só os dementes e frustados como o Kiluanji que vivem na dispora querem voltar a guerra, porque fugiram do pais e nao sabem os horrores da guerra . Incitam os outros a partir das mordomias no estrangeiro enquanto as massas sao massacradas. Demente e frustado desce para a banda!!!!!!
leftCLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

O CLUB-K.net foi fundado aos 7 de Novembro de 2000, e é integrado por jovens angolanos (voluntários), com missão representativa em diversos países e reconhecido a nível internacional como uma organização não governamental.

NEWSLETTER

Assine a nossa Newsletter para receber novidades na sua caixa de e-mail. "Gosta" da nossa página no Facebook para receber novidades na parede do seu perfil no Facebook.

INSERE O SEU E-MAIL