A carregar...

«É tudo no âmbito» - Eduardo Chipilica

1 1 1 1 1 Como classifica este artigo? 5.00 (1 Voto)

Benguela  - O «âmbito» é um termo ou expressão que descrevemos sempre que notamos qualquer pronunciamento, actividades ou aparição de um político do regime, governante ou novos militantes que são expostos «aos minutos de fama». O seu gémeo é a propaganda política ou institucional que para nós desde que não «ultrapasse nem se aproxime aos limites da crueldade, é sempre bem-vindo».

Fonte: Club-k.net

Por isso há factos que pela sua dimensão, fazem obrigatoriamente a agenda politica e «politicadas». Muitas vezes para contrapor, outras vezes para autodefesa ou mesmo para corrigir publicamente erros cometidos e nunca a «auto-falha». Outros são os únicos seres mortais que fracassam. As fintas da política! É no âmbito! Lemos, assistimos e ouvimos muitas críticas/elogios a entrevista do Presidente da República, desconhecemos se foi a SIC ou entregue a SIC contudo sabemos que lá passou. Sobre o conteúdo/reacções pensamos que já vimos o suficiente para nada adicionar. Apenas dizer que foi no âmbito!


Os defensores desta «conversa televisiva», têm/tiveram um oceano de motivações para o fazer. É no âmbito! Ninguém cônscio na sua posição/condição ousaria contradizer o Chefe publicamente! .Talvez nas paredes do quarto! Os opositores mais responsáveis/urbanos mormente no uso racional da palavra. Falar é arte! Como ouvimos alguém dizer e muito bem “ não há democracia nem democratas”. Os princípios basilares de um Estado democrático e de Direito estão/estamos todos a demorar assimilar. Críticas sim, palavrões não!


Sempre que você for ou estiver em alguma actividade governativa ou não, fique atento. Se não for a decoração do recinto, serão de certeza as palavras. Há sempre um sinal!

 As galas/festas/espetáculos/ entrevistas/comícios/reuniões/conversas/noticiários… «É quase tudo no âmbito»!


Cidadão Angolano






Debate o tópico nas redes sociais:





Debate no Club-K:


NOTA: Os comentários postados neste portal são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Por favor, leia os Termos de Uso. O Club-K reserva-se ao direito de moderar os comentários suspeitos de conter palavras ofensivas e apagar os que não cumpram as regras.



Comentários Arquivados:



Actualizar comentários 

0 bukavu nianga 18-06-2013 08:17 #3
o sr xipilica fez-me recordar uma outra na giria dos do "M" (de um tempo a esta parte), se forem estudiosos devem substituir esta por demais enferrujado. O outro termo e'o da "mais valia", o asfalto descartavel qdo foi exibido, o sr governador de entao dizia ser uma mais valia. Sim descartavel. Eu n sei rq os portugueses n teem coragem de alertar os seus patroes-certame nte pelo medo de perder aliancas, mas eu ando farto desde termos prq dizem nada no real. Obrigado
+1 kaxiemba 17-06-2013 10:09 #2
de facto tornou-se um costume na linguagem dos políticos.
-2 FORMIGA 17-06-2013 04:54 #1
O MPLA/JES ganhou as eleições Democraticament e pelo VOTO POPULAR, mas os savimbistas não se conformam! Esse ÓDIO SEM RAZÃO quem instiga são a rádio despertar e pasquins. Querem tirar o MPLA/JES de qualquer jeito do Poder e até "alegadas" ONG, verdadeiros joguetes da Unita/Casa-ce, alinharam-se na campanha. A excursão dos Vendilhões da Pátria aos países da OTAN visou estender o rastilho do caos que se instalou na Líbia/Egípto/Sí ria. Até quando argumentos falaciosos? Que tal DISCUTIR POLÍTICA sem ÓDIO, sem RANCOR, apenas discutindo ARGUMENTOS SÓLIDOS e o que QUEREMOS para a nossa Angola?
leftCLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

O CLUB-K.net foi fundado aos 7 de Novembro de 2000, e é integrado por jovens angolanos (voluntários), com missão representativa em diversos países e reconhecido a nível internacional como uma organização não governamental.

REDES SOCIAIS

NEWSLETTER

Assine a nossa Newsletter para receber novidades na sua caixa de e-mail. "Gosta" da nossa página no Facebook para receber novidades na parede do seu perfil no Facebook.

INSERE O SEU E-MAIL