Agente da polícia mata esposa e extrai seus órgãos genitais

Xá-Muteba – Os actos de violação dos Direitos Humanos continuam e seguem nas zonas diamantíferas. No passado dia 13 do corrente mês, uma cidadã de nome Santa Mualy Suca, de 41 anos de idade, foi encontrada morta (e sem os órgãos genitais) dentro da sua residência, localizada no bairro Canvunji Cacomba, município de Xá-Muteba, província da Lunda Norte.

Fonte: Club-k.net

Segundo as testemunhas o acto foi barbaramente protagonizado por agente da polícia nacional afecto ao Comando Municipal de Xá-Muteba, identificado apenas por “Frederick”, que supostamente era marido da vítima.    

Após a ocorrência, de acordo com as testemunhas, o agente “assassino” terá feito um buraco dentro da residência onde coabitavam com a vítima a fim de enterrar durante a calada da noite. O que, por sorte, não aconteceu.

“Quando nós, os vizinhos, notamos estranhamente a sua ausência durante o dia, decidimos preocupadamente romper a porta da sua casa, e surpreendemos o assassino com o cadáver pronto a ser sepultado”, contou a fonte.

O autor do crime (de homicídio qualificado) terá sido entregue, após uma surra dada pelos vizinhos, as autoridades locais, onde supostamente permanece encarcerado.

Já no município do Cuango (da mesma província), um outro cidadão de nome Eduardo Kapata foi fracturado – sem qualquer razão – um dos abraços pelos agentes da polícia nacional. O facto foi veemente condenado pelos populares no local.

A vítima encontra-se hospitalizada, desde 13 de Setembro, no hospital municipal do Cuango. Enquanto, os seus agressores, segundo a nossa fonte, continuam impunes e a fazer das suas nas ruas desta cidade diamantífera.

NR: A imagem ilustrada não é da vítima referenciada no texto, mas sim de um caso semelhante ocorrido no ano transacto nas mesmas regiões.






Debate este tópico nas redes sociais:

Comente via Facebook, Hotmail, Yahoo ou AOL!




Debate este tópico no Club-K:

Comente no Anónimato (sem iniciar sessão) ou via Redes Sociais (Facebook, Twitter, Google ou Disqus)!

Quem Somos

CLUB-K ANGOLA

CLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

Informamos o público sobre as notícias e informações ausentes nos canais informativos estatal.  Proporcionamos ao público uma maneira de expressar publicamente as suas opiniões sobre questões que afectam o dia-a-dia, qualidade de vida, liberdades e justiças sociais em Angola... Leia mais

 
 

Direcção consultiva
- Barbosa Francisco  (New York) - IT
- Massano Jorge ( New York) - Editor Principal
- Juca Manuel (New York) - Editor
- Noel Pedro (Lisboa) - Revisor
- Marcos Miguel (Brasil) - Editor
- Júlio Beto - (Holanda) - Editor
- Simão Manuel - (França - Editor
- Juca Fernandes - (Alemanha) - Editor


Telefone: New York: (315) 636 5328

Contactos

 

  • E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

  • WhatsApp: (+244) 918 512 433 Para uso no aplicativo WhatsApp apenas!

  • Reino Unido : (+44) 784 848 9436

  • Buffalo / EUA: (+1) 347 349 9101 

  • New York /USA: (+1) 315 636 5328

Newsletter

Assine a nossa Newsletter para receber novidades diárias na sua caixa de e-mail.

INSERE O SEU E-MAIL

// TAG FOR ADVERTISEMENT