Huambo – O nosso estimado Club K, tinha noticiado ontem, 17.09.13 (felizmente já alterou o título) que o próximo líder da JURA pode ser Kimbundu, isto era, para se referir ao jovem Pedro Lourenço (Pepe) como aspirante à liderança da JURA.

Fonte: Facebook
Todos sabemos que Angola é um lindo mosaico multi-cultural, multi-étnico, "multi-racial", multi-linguístico, multi-partidário, enfim, plural, mas, considero preconceituoso e perigoso que os angolanos sejam vistos, avaliados e conhecidos mais pela sua origem étnico-tribal do que pelas suas capacidades e habilidades como pessoas, ou no âmbito da plena cidadania, particularmente do direito de participação na vida pública, igualdade de oportunidades e mérito dos cidadãos.

Gostaria, também, de esclarecer que o Pepe, jovem íntegro e competente (que muito estimo) potencial candidato à liderança da JURA, não precisa mover influências junto de Liberty Chiyaka, antigo secretário-geral da JURA.

Ele foi bolseiro e representante da JURA no Brasil durante o meu mandato (2005/2010) na liderança da JURA. O Pepe, só precisa decidir concorrer para ter todo o meu apoio político e moral.

A JURA tem e terá o meu apoio incondicional, independentemente da sua futura liderança. A UNITA sempre investiu nos seus melhores quadros, particularmente, jovens na perspectiva de um planeamento estratégico e de planos de sucessão dos cargos chaves (de liderança) e críticos (cargos técnicos) das organizações para salvaguarda da sua durabilidade histórica e existência como Partido de governação.

Alicerces Mango (Aly), Altino Kapango (Jamba), Pedro Lourenço (Pepe) e, ou outros aspirantes à liderança da JURA deverão ter consciência que os conflitos são lições e as crises são oportunidades para uma organização progressista como a nossa (JURA).

Por razões óbvias só um dos potenciais candidatos à liderança da JURA tem e, ou terá, o meu apoio total, quando a Comissão Eleitoral da JURA, aprovar os candidatos ao "sprint final". JURA - PÁTRIA! JURA - CIÊNCIA e PROGRESSO!

 

 

 




DEBATE ESTE TOÓPICO NAS REDES SOCIAIS:





DEBATE ESTE TÓPICO NO ANÓNIMATO: