A carregar...

Porque o medo das manifestações!?? - Nelo de Carvalho

1 1 1 1 1 Como classifica este artigo? 4.00 (2 Votos)

Brasil - Não sou a favor de manifestação nenhuma que pregue a violência e catalisada, ainda por cima, pela violência herdada pelos antigos terroristas da JAMBA.

Fonte: facebook

Mas uma coisa é certa, o Governo Angolano tentou usar a tal da auscultação à juventude instrumento desmoralizador e neutralizador dos manifestantes. Uma coisa diga-se, estes têm sim direito de se manifestar em qualquer dia do ano, é um direito dado pela lei e protegido pela mesma.

O que sim não pareceu muito bem é a suposta vinculação do ato de auscultação a troco de se ceder o direito a se manifestar, no mínimo foi esse tipo de chantagem que caiu em cima daqueles que querem exercer o direito de protestar.

A pergunta é por que o governo tem tanto medo de manifestações? E vive assustado por elas! Não será o prenúncio de um desgaste que o próprio MPLA e o Presidente da República vêm sofrendo?

Um esforço para se tentar transmitir que têm o controle da situação não passa pela repressão sem medida e sem motivo às manifestações.

Governar não é impor fatos, critérios e argumentos à força; governar é ter o controle político da situação, é escutar o consenso da opinião pública e reverter esse consenso em favor de uma legitimidade pretendida pelo poder imperante.

Governar não é chantagear ou fazer uso de malabarismos perversos; é acima de tudo ser transparente e conciso em cada um dos atos protagonizados por aqueles que estão no poder.

É assim, que podemos dizer, que a Conferência de Auscultação à Juventude foi mais um ato de mentiras e desrespeito, para quem acreditou que o Presidente da República e o Governo que este dirige são entidades sérias; com a repressão aos manifestante ficou à prova a zombeteira, o escárnio e a farsa de um governo que vive do medo e do pavor até dos cochichos de seus governados.

Nelo de Carvalho 
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.






Debate o tópico nas redes sociais:





Debate no Club-K:


NOTA: Os comentários postados neste portal são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Por favor, leia os Termos de Uso. O Club-K reserva-se ao direito de moderar os comentários suspeitos de conter palavras ofensivas e apagar os que não cumpram as regras.

leftCLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

O CLUB-K.net foi fundado aos 7 de Novembro de 2000, e é integrado por jovens angolanos (voluntários), com missão representativa em diversos países e reconhecido a nível internacional como uma organização não governamental.

REDES SOCIAIS

NEWSLETTER

Assine a nossa Newsletter para receber novidades na sua caixa de e-mail. "Gosta" da nossa página no Facebook para receber novidades na parede do seu perfil no Facebook.

INSERE O SEU E-MAIL