Luanda - A UNITA declinou ao convite da TPA que pretendia entrevistar o seu Presidente, Isaías Samakuva, na senda de entrevistas que a televisão estatal vai mantendo com os cabeças de lista.

*Gonçalves Vieira
Fonte: Club-k.net

Samakuva quer debate directo com  João Lourenço

Numa nota de “recusa” enviada nesta quarta-feira, 09, à Direcção do Conselho de Administração da Televisão Pública de Angola (TPA), datada de 08 de Agosto de 2017, assinada pelo seu mandatário Estêvão José Pedro Katchiungo descreve que “é de interesse público o debate proposto pelo candidato Isaías Samakuva ao candidato João Lourenço”.


O documento reitera a disponibilidade do candidato número-1 no boletim de voto para tal debate numa data a acordar. “Mas consideramos não ser de interesse público o expediente alternativo das entrevistas individuais, organizadas por V/exas, pelo que, declinamos o convite que nos foi formulado para uma entrevista ao candidato da UNITA para o próximo dia 14 de Agosto”, lê-se na nota de “recusa”.


Na mesma nota, o partido do Galo Ngro sustenta que com o aproximar das eleições gerais em Angola, a Televisão Pública de Angola “converteu-se numa autêntica máquina de propaganda político-partidária que utiliza o património público e os seus espaços privilegiados para publicitar a plataforma político-eleitoral do partido MPLA e do seu cabeça de lista”.

 

 

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: