Lisboa -  A PCA não executiva da Sonangol, Isabel dos Santos nomeou em finais de Agosto passado,  Maria Jacinto de Sousa Rodrigues como Presidente da Comissão Executiva da representação da petrolífera  estatal angolana em Londres (formalmente conhecida por Sonangol Limited),  em substituição de Maria Sandra Lopes Júlio. 
 
Fonte: Club-k.net
 
PCA privilegia nepotismo e favoritismo 
 
A referida nomeação esta a dar azo a acusações de praticas de nepotismo e favoritismo, devido a ligação de  afinidade familiar  que a nova PCE, Maria de Sousa Rodrigues,  tem com Isabel dos Santos.  Maria de Sousa Rodrigues  é sobrinha do ex- esposo da sua tia de Isabel, de nome  Marta dos Santos. 
 
 
A nova PCE  foi técnica da área de planeamento da Sonangol P&P, em Luanda.   O seu esposo é João Rodrigues, o delegado da TAAG em Londres. A nomeação da mesma por parte de Isabel dos Santos é vista como tendo obedecido a dois critérios: Para facilita-la na despesas  em Londres, uma vez que Isabel dos Santos esta proibida de abrir contas bancarias na capital britânica e por outra, ajudar a nova PCA a trabalhar num país onde também esta o seu conjugue. 
 
 
A  Sonangol Ltd é a entidade responsável pela venda do petróleo angolano no mercado europeu. Desde a sua fundação no ano de 1983,  esteve representada por José Carlos de Castro Paiva, igualmente “testa-de-ferro”, do ex-Presidente José Eduardo dos Santos, para o sector petrolífero e banca. 
 
 


DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: