A carregar...

Votarei contra a pobreza e desigualdade social - PGarcia

1 1 1 1 1 Como classifica este artigo? 0.00 (0 Votos)

ImageUSA -  O meu voto não é secreto. As minhas ambições para com Angola também não são obscuras. Votarei contra a pobreza e desigualdade social.

O político angolano Justino Pinto de Andrade, deu o pontapé de saída ao afirmar veemente que o seu voto esta reservado para o FpD. Esta posição espantou a ceita política do MPLA e aqueles angolanos que sentem-se intimidados de revelar as suas convicções por medo de sofrer represálias, omitem publicamente afirmar as suas ideias políticas.

MPLA a crónica maligna da incompetência correlacionada

O sistema do secretismo do direito a escolha livre de um líder em geral em Angola pariu das vestias do MPLA. Esta virtude já era característica durante a gerência de Agostinho Nelo. Em pleno início do século XXII neste partido ainda não se goza o direito do voto aberto.

Em Setembro não votarei a favor de decursos e cifras falsas. Não darei a minha confiança para aqueles que transformaram a política num jogo de palavras. Promessas não enchem barriga.

Em Setembro votarei contra a falta de energia em Luanda. Votarei também contra um líder que mal conhece o seu povo. Estou exausto de receber os recados do Sr. presidente através da Angop.

Em Setembro, terei a opção de falar basta a pobreza. Basta da discrepância abismal entre ricos e pobres. Basta de viver num país aonde o governo só constrói casas para os milionários.

Nas próximas eleições gritarei bem alto com o meu voto: O MPLA de JES não esta apto para governar. Os nossos governantes são como se fossem peças de xadrez. São exonerados das Finanças por irregularidades, mais mesmo assim, JES o deposita confiança para governar o ministério do Plano. Um incompetente num ramo será obviamente um fracasso na outra. JES acredita que um dirigente erra numa área mais poderá acertar na outra.

Os amigos leitores: Se queres que Angola continue estagnada para mais 30 anos. Se apoias os políticos dos verbos. Se faz-te feliz ver as crianças de rua sem futuro. Se progresso social significa construir uma ponte. Se acreditas que crescimento económico é construir um par de casas para a classe dominante. Se igualdade é o sinónimo de comunismo familiar (se…). A opção científica e correcta é votar no MPLA.

* PGarcia
Fonte: Club-k






Debate o tópico nas redes sociais:





Debate no Club-K:


NOTA: Os comentários postados neste portal são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Por favor, leia os Termos de Uso. O Club-K reserva-se ao direito de moderar os comentários suspeitos de conter palavras ofensivas e apagar os que não cumpram as regras.



Comentários Arquivados:



Actualizar comentários 

0 5 27-10-2008 12:43 #113
:P :eek: :sad: :roll: :D :D :-) :sad: :sad: :sad:
0 meireles 27-06-2008 08:46 #112
( DOCUMENTO PERTENCENTE AO ESPOLIO DO DR HUGO JOSÉ AZANCOT DE MENEZES ,UM DOS FUNDADORES DO M.P.L.A.)

MOVIMENTO POPULAR DE LIBERTAÃƒâ€¡ÃƒÆ ’O DE ANGOLA
(M.P.L.A.)
51.Avenue Tombeur de Tabora ,51
3.P. 720 - LEOPOLDVILLE

COMUNICADO A TODA ORGANIZAÇà ƒO DO M.P.L.A.


Nas condições particularmente difíceis em que decorre a revolução Angolana, o Congresso do M.P.L.A. Está impossibilitado de intervir normalmente na solução dos problemas da sua competência.

Para as condições anormais do presente , impõe-se um processo excepcional, salvaguardando -se porém todo respeito à competência do congresso para logo que as condições da nossa luta voltarem ao mínimo de normalidade.

O comité Director do M.P.L.A. Nas suas sessões de 13 , 21 e 22 de Maio de 1962, com a intenção única de fazer avançar a revolução com o máximo de eficácia e de segurança , decidiu - com plena responsabilidad e de que dará conta ao próximo congresso - remodelar o comité Director do M.P.L.A..
O novo Comité Director do M.P.L.A. é assim constituído:

MARIO DE ANDRADE

MATIAS MIGEIS

HUGO DE MENEZES

LUIS DE AZEVEDO JUNIOR

GRAÇA DA SILVA TAVARES

DEOLINDA D`ALMEIDA

JOSÉ BERNARDO DOMINGOS

GEORGES MANTEYA DE FREITAS

VER. DOMINGOS FRANCISCO DASILVA

DESIDERIO DA GRAÇA

JOÃO VIERA LOPES

JOÃO GONÇALVES BENEDITO

JOSÉ MIGUEL
Mário de Andrade continua com as funções de Presidente do M.P.LA.
Matias Migueis passa a exercer as funções de vice - Presidente do M.P.L.A.
O posto de Secretario - Geral é substituído por um Secretário cuja composiçã o é a seguinte:

Graça da Silva Tavares - 1º secretário

João Viera Lopes - 2º secretário

Desidério da Graça - 3º secretário


O novo Comité Director do M.P.L.A. Entra imediatamente em função.

Léopoldville ,25 de maio de 1962.




O COMITÉ DIRECTOR
0 meireles 27-06-2008 08:46 #111
( DOCUMENTO PERTENCENTE AO ESPOLIO DO DR HUGO JOSÉ AZANCOT DE MENEZES ,UM DOS FUNDADORES DO M.P.L.A.)

MOVIMENTO POPULAR DE LIBERTAÃƒâ€¡ÃƒÆ ’O DE ANGOLA
(M.P.L.A.)
51.Avenue Tombeur de Tabora ,51
3.P. 720 - LEOPOLDVILLE

COMUNICADO A TODA ORGANIZAÇà ƒO DO M.P.L.A.


Nas condições particularmente difíceis em que decorre a revolução Angolana, o Congresso do M.P.L.A. Está impossibilitado de intervir normalmente na solução dos problemas da sua competência.

Para as condições anormais do presente , impõe-se um processo excepcional, salvaguardando -se porém todo respeito à competência do congresso para logo que as condições da nossa luta voltarem ao mínimo de normalidade.

O comité Director do M.P.L.A. Nas suas sessões de 13 , 21 e 22 de Maio de 1962, com a intenção única de fazer avançar a revolução com o máximo de eficácia e de segurança , decidiu - com plena responsabilidad e de que dará conta ao próximo congresso - remodelar o comité Director do M.P.L.A..
O novo Comité Director do M.P.L.A. é assim constituído:

MARIO DE ANDRADE

MATIAS MIGEIS

HUGO DE MENEZES

LUIS DE AZEVEDO JUNIOR

GRAÇA DA SILVA TAVARES

DEOLINDA D`ALMEIDA

JOSÉ BERNARDO DOMINGOS

GEORGES MANTEYA DE FREITAS

VER. DOMINGOS FRANCISCO DASILVA

DESIDERIO DA GRAÇA

JOÃO VIERA LOPES

JOÃO GONÇALVES BENEDITO

JOSÉ MIGUEL
Mário de Andrade continua com as funções de Presidente do M.P.LA.
Matias Migueis passa a exercer as funções de vice - Presidente do M.P.L.A.
O posto de Secretario - Geral é substituído por um Secretário cuja composiçã o é a seguinte:

Graça da Silva Tavares - 1º secretário

João Viera Lopes - 2º secretário

Desidério da Graça - 3º secretário


O novo Comité Director do M.P.L.A. Entra imediatamente em função.

Léopoldville ,25 de maio de 1962.




O COMITÉ DIRECTOR
0 tráfico de pessoas 24-06-2008 16:15 #110
Há pouca conscientizaçà £o sobre o problema do tráfico de pessoas, principalmente mulheres e crianças, em Angola, e não há leis para travar este fenómeno crescente
Français » Portugais Traduire Proposer une meilleure traduction
Merci de votre contribution à Google Traduction.Nous tiendrons compte de votre suggestion pour améliorer la qualité des traductions lors des futures mises à jour de notre système. Há pouca consciencializa ção sobre o problema do tráfico de pessoas, principalmente mulheres e crianças, em Angola, e não há leis para travar este fenómeno crescente
0 tráfico de pessoas 24-06-2008 16:15 #109
Há pouca conscientizaçà £o sobre o problema do tráfico de pessoas, principalmente mulheres e crianças, em Angola, e não há leis para travar este fenómeno crescente
Français » Portugais Traduire Proposer une meilleure traduction
Merci de votre contribution à Google Traduction.Nous tiendrons compte de votre suggestion pour améliorer la qualité des traductions lors des futures mises à jour de notre système. Há pouca consciencializa ção sobre o problema do tráfico de pessoas, principalmente mulheres e crianças, em Angola, e não há leis para travar este fenómeno crescente
0 Taxa de alfabetização 24-06-2008 15:59 #108
A Angola é classificado 161a posição
Idioma: Português (oficial), bantu e outros dialetos Africano
Capital: Luanda
Principais etnias: Ovimbundu (37% da população), quimbundo (25% da população), Bakongo (13% da população).
Esperança de vida: 38,59 anos (37,36 para homens e 39,87 para as mulheres)
Mortalidade infantil: 193,72 mortes por 1.000 nascidos vivos.
A mortalidade materna no parto: 1.850 mortes maternas por 100.000 nascidos vivos.
O acesso à água potável: mais de 40% dos angolanos não têm acesso à água potável suficiente.
Acesso à saúde: mais de 80% da população urbana em Angola não tem acesso ao saneamento básico.
A taxa média de inflação em 2000: 325%
O acesso à educação: mais de 80% das crianças angolanas não têm acesso a uma educação adequada, mais de um milhão de crianças estão fora do sistema escolar.
Taxa de alfabetização : 42% (56% para os homens, 28% para as mulheres)
Nível de Desenvolvimento (ranking anual das Nações Unidas): A Angola é classificado 161a posição sobre um total de 173 países
0 Taxa de alfabetização 24-06-2008 15:59 #107
A Angola é classificado 161a posição
Idioma: Português (oficial), bantu e outros dialetos Africano
Capital: Luanda
Principais etnias: Ovimbundu (37% da população), quimbundo (25% da população), Bakongo (13% da população).
Esperança de vida: 38,59 anos (37,36 para homens e 39,87 para as mulheres)
Mortalidade infantil: 193,72 mortes por 1.000 nascidos vivos.
A mortalidade materna no parto: 1.850 mortes maternas por 100.000 nascidos vivos.
O acesso à água potável: mais de 40% dos angolanos não têm acesso à água potável suficiente.
Acesso à saúde: mais de 80% da população urbana em Angola não tem acesso ao saneamento básico.
A taxa média de inflação em 2000: 325%
O acesso à educação: mais de 80% das crianças angolanas não têm acesso a uma educação adequada, mais de um milhão de crianças estão fora do sistema escolar.
Taxa de alfabetização : 42% (56% para os homens, 28% para as mulheres)
Nível de Desenvolvimento (ranking anual das Nações Unidas): A Angola é classificado 161a posição sobre um total de 173 países
0 ja enjoa 24-06-2008 11:32 #106
Companheiro Luis Filipe Santana Neto, o companheiro diz muitas coisas relevantes, mas peca pela conversa racista, tribalista regionalista etnica.

Mas estamos juntos quanto à necessidade de afastar o MPLA por meios democracticos.

Mas a conversa racista, tribalista regionalista etnica já enjoa. Estamos em 2008 por favor...
0 ja enjoa 24-06-2008 11:32 #105
Companheiro Luis Filipe Santana Neto, o companheiro diz muitas coisas relevantes, mas peca pela conversa racista, tribalista regionalista etnica.

Mas estamos juntos quanto à necessidade de afastar o MPLA por meios democracticos.

Mas a conversa racista, tribalista regionalista etnica já enjoa. Estamos em 2008 por favor...
0 Luis Filipe Santana Neto 24-06-2008 09:27 #104
Quem casar com a minha mãe, é
o meu padrasto. Muito cuidado
prezado angolano" padrasto não é pai, ja foi dito" Este
foi o termo utilizado por muitos angolanos, que viviam
refugiados, na R.D.C. quando
a FNLA, alertava o Povo, pelo
perigo que o Povo Angolano
corria ao ajudar o MPLA a to-
mar o poder em Angola. O MPLA
é como os Macacos Sempre se
esquece de esconder a cauda.
Hoje, depois de três déca-das no poder o Povo angola-
na compreendeu que tem estado a sofrer por uma ma
gonernaão. A equação é simples. Vôce angolano que esta a sofrer é chegado o mo-
mento de dizer basta. Em 1961 fomos capazes de dizer
basta com a colonização.
Porque o sofrimento do homem do povo tinha atingido o seu limite. Hoje, devemos dizer
a mesma coisa ao MPLA. Em 1975, foi o Poder Colonial
que, para continuar a ter a
sua mão sobre a Colonia, escolheu um Partido, o que
tinha mais afinidades com os
colonizadores, esse Partido
é o MPLA. Muitos angolanos
pensavam que, por Presidente Neto ser preto e Angolano,
algo ia mudar em Angola. Isso não aconteceu. Quando
Dr A. Neto ja pensava do mal que ele estava fazendo aos
angolanos, foi limpado o cebo. O Filho do cão é cão.
Um Cumunista nunca deixa de ser Cumunista. O Multipartidismo do MPLA, foi uma coisa muito bem calculada, para tapar os olhos do Povo Angolano e meter os E.U.A. do seu lado. Vôce Angolano do Norte o mais sacrificado durante a colonização, continuas a ser o mais prejudicado mesmo agora que o Pais esta independente. Vôce sabe muito bem quem é que te mandava trabalhar nas Fazendas, sem te pagar o teu justo valor do trabalho que
fazias. Abandonavas, sua esposa e crianças na Sanzala, durante 12 mêses sem poder os assistir socialmente. A maiora parte
das Vilas do Norte de Angola, não tinha Escolas,
de insino basico. Até em 1961, as escolas eram reservadas as crianças brancas, mulatos, dois ou
um pretito, filho de de um assimilado. Tudo faltava na
sua Aldeia. O seu Café era
comprado ao preço que o branco quizesse pagar. Trabalhavas de manhã até a noite, com um capataz nas costas, que se reservava o direito de te dar uma " lambada ou uma sicotada quando quizesses descansar um pouco." os gritos era o
pão de cada dia. Foi assim durante anos. Cada um de vôces tendes hoje, uma ocasião de
dizer não a Esse poder que por ai foi colocado pelo colono. O filho do colono é
colono. Todos esses que detem o poder, foram levados para Angola pelo Colono. Hoje continuam a servir o colono que os colocou no poder. Devem eleger filhos do POVO ANGOLANO, Aqueles que tem a conciência do sofrimento do POVO ANGOLANO.
leftCLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

O CLUB-K.net foi fundado aos 7 de Novembro de 2000, e é integrado por jovens angolanos (voluntários), com missão representativa em diversos países e reconhecido a nível internacional como uma organização não governamental.

NEWSLETTER

Assine a nossa Newsletter para receber novidades na sua caixa de e-mail. "Gosta" da nossa página no Facebook para receber novidades na parede do seu perfil no Facebook.

INSERE O SEU E-MAIL