Bastidores

Livro de Martins esgotado num único dia

Luanda - O livro "Labirintos Mundiais - As Revoluções Pós-Modernas e os Caminhos da Incerteza Global" de autoria do ex-patrão da secreta angolana, Sebastião José António Martins, esgotou-se na cerimónia de lançamento que teve lugar nesta quarta-feira, 26,  em Luanda.

Fonte: Club-k.net/Angop

De acordo com explicações, dada, quem desejar adquirir cópia do livro -  que esta a ser comercializado a quatro mil kwanzas - poderá tê-lo dentro de duas semanas a partir de algumas livrarias de Luanda, mencionadas no acto da cerimónia de lançamento.

A cerimónia realizada no anfiteatro do Memorial Dr. António Agostinho Neto, em Luanda, foi marcada pela conferência «Geopolítica e Geoestratégia Mundial na Actualidade» – Realidade e Desafios, contou com intervenções do sociólogo Victor Kajibanga, do professor Manuel Meirinho e do vice-almirante Silva Ribeiro. Esteve bastante concorrida, que a organização teve de aumentar mais cadeias para os presentes

 

"Labirintos Mundiais - As Revoluções Pós-Modernas e os Caminhos da Incerteza Global" surge proficuamente num momento em que a democratização dos meios de acesso à tomada de poder e as relações diplomáticas, económicas e militares, nas quais circulam agentes com interesses diversos, por vezes antagónicos, em muitas ocasiões cruzados, permitem vagas de aparente contestação ou apoio a medidas, actos pontuais ou políticas estruturais por parte dos actores políticos

 

Sebastião Martins, no seu modelo de análise, aplica à realidade de alguns países a Teoria da Estratégia com a narração das Revoluções Coloridas e das Primaveras Árabes, detecta indícios de uma ameaça à Segurança Nacional na República de Angola, corporizada na eventual ocorrência de uma alegada - Primavera Angolana e sugere como o Governo, estrategicamente, deverá responder.

 

Reflecte sobre a adequação e a eficácia das medidas neutralizadoras dos alegados movimentos subversivos. Com a sua experiência nos domínios político, militar, da segurança e da gestão, Sebastião Martins analisa situações, traça paralelismos com outras latitudes, procura explicações e antecipa cenários.

 

Sebastião José António Martins nasceu em Angola, em 1961. Especializou-se em Estratégia, no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, da Universidade de Lisboa, com a dissertação de mestrado “A Subversão Política e a Revolução: Cenários Globais e a Perspectiva Angolana”.

Bacharel em Economia, licenciado em Gestão, pós-graduado em Segurança Nacional e em Gestão aplicada às Administrações Públicas, é, também, diplomado em Altos Estudos Internacionais. Actualmente, frequenta o doutoramento em Ciência Política.

 

Em Angola, foi Chefe do Serviço de Inteligência e de Segurança de Estado, Ministro do Interior, director-geral do Serviço de Informações e vice-ministro do Interior. Exerceu funções de Director Nacional de PIaneamento e Finanças do Ministério do Interior e do Comando-Geral da Polícia Nacional, entre outras.

PR rejeita pedido de “Nandó”

Lisboa - José Eduardo dos Santos (JES) terá rejeitado uma solicitação do líder da Assembleia Nacional (AN), Fernando da Piedade Dias dos Santos “Nandó”, para transmissão em directo dos debates parlamentares.

Fonte: Club-k.net

Para transmissão dos debates parlamentares

A solicitação de “Nandó” surgiu no seguimento de uma pressão dos deputados da oposição ocorrida, em Julho passado, nas vésperas do debate do pacote eleitoral. Na ocasião o líder parlamentar transmitiu aos deputados que o assunto não dependia dele e prometeu que iria consultar “a quem de direito”.

 

De acordo com esclarecimentos, há em Angola a ideia generalizada de que as autoridades rejeitam a transmissão dos debates parlamentar por representar campanha contra o próprio MPLA, uma vez que ficariam expostas a qualidade das intervenções dos seus deputados.

 

Elucida-se que num certo debate sobre questões económicas, alguns deputados do MPLA tem pedido a palavra para falar de guerra, ou de áreas com minas em consequência do conflito armado, acabando por distorcer o foco das discussões.

Ex-Patrão da Secreta lança livro sobre revolução

Lisboa - Sebastião José António Martins, ex- diretor do Serviço de Inteligência e Segurança de Estado (SINSE), apresenta , na próxima quarta-feira (26), em Luanda, um livro de pendor cientifico, cujo palco de lançamento é o memorial Dr. Antônio Agostinho Neto.

Fonte: Club-k.net 

O livro que tem como titulo “Labirintos Mundiais: As revoluções pós-modernas e o impacto global” é resultado da sua tese de mestrado inspirada no tema das primaveras árabes.

 

Martins é licenciado em gestão pela Universidade Aberta de Lisboa e mestre em Ciência Política, pelo Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas (ISCSP) da Universidade Técnica de Lisboa (UTL). Desde que saiu das funções publicas, passou a viver entre Luanda e Lisboa, cidade onde frequenta o grau de doutoramento.

Jornalista da RNA concorre a liderança do Sindicato

Lisboa – Luísa Rangel, uma veterana jornalista da Radio Nacional de Angola (RNA), com cerca de  27 anos de casa, é apontada como “interessada”, em apresentar-se, como candidata as eleições, marcadas para Setembro, para o cargo máximo do Sindicato de Jornalistas de Angola (SJA).

Fonte: Club-k.net

É-lhe reconhecida uma veia reivindicadora, em casos de injustiças. Em 2012, protagonizou enquanto coordenadora do núcleo local do Sindicato dos Jornalistas Angolanos, na RNA, uma manifestação destinada a exigir a reivindicação, de reajuste salarial na ordem dos 300 porcento.

 

Formada em Direito, Rangel é presentemente - por força da lei - Assistente de Direcção para Assuntos Síndicos da RNA. Função que tem vindo a desempenhar  junto do Conselho de Administração desta emissora estatal. 

 

Ao se confirmar, a sua intenção em  concorrer as eleições no SJA, Luísa Rangel deverá disputar o posto com dois candidatos Altino Matos e Teixeira Candido, ambos oriundos das Edições Novembros. O primeiro estará a contar com o apoio de quadros como Filomeno Manaças, DG adjunto do Jornal de Angola e o segundo goza do apoio da corrente da Secretária-geral cessante, Luísa Rogério.

“Nandó” tenta entrar nos EUA

Lisboa – O Presidente da Assembleia Nacional, Fernando da Piedade Dias dos Santos “Nandó”, prepara-se para viajar nos próximos dias a cidade de Nova Iorque, Estados Unidos da América, onde representará o país numa Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU).

Fonte: Club-k.net

Depois de 4 anos sem entrar em território americano

Desde 19 de Outubro 2011 que o líder parlamentar não vai aos EUA. Na ultima vez,  o dirigente iria participar, na 66ª sessão da Assembléia- Geral da ONU, em representação do Chefe de Estado angolano. Ficou apenas na sala protocolar do aeroporto de Nova Iorque e viu-se obrigado a abandonar  o território americano.

 

A programada viagem de “Nandó” aos EUA revela-se, agora,  importante para si, no sentido de esvanecer duvidas relacionadas a uma alegada proibição da sua pessoa aquele país, por suposto cadastramento do seu nome como indivíduo ligado a três empresas angolanas (Arosfran, Golfrate e Afribelg) identificadas pelo Departamento do Tesouro (DT), como estando ligadas ao terrorismo internacional.

 

A versão difundida por figuras próximas a este político  angolano  é de que ele não foi amordaçado pelas entidades migratórias américas. Justificam que no dia do impasse, ele teve de retirar-se, rumo a Inglaterra,   por conta de um acidente vascular facial, que o deixou por alguns dias na capital britânica acabando por ser substituído em última da hora, pelo ministro das relações exteriores, George Chicoty, que discursou naquela magna Assembleia multilateral.

PR suspeito de entregar negócio de energia as duas filhas

Lisboa -   Altos funcionários do ministério da energia e Aguas de Angola, estão a levantar suspeitas de que o Presidente José Eduardo dos Santos, tenha facilitado para as suas filhas negócios do sector energético que eram tidos como estratégicos e da inteira exclusividade do Estado.

 Fonte: Club-k.net

Sector  estratégico entregue  à privados 

Segundo esclarecimentos, as desconfianças dos quadros daquela instituição governamental surgiram  no seguimento de uma suposta  "orientação superior", que resultará na entrega à um consorcio conotado a Tchizé dos Santos, a participação no negocio de distribuição de electricidade. Para além do consorcio ligado a esta  deputada do MPLA, vão  entrar  mais duas empresas ligadas aos filhos do PR,   que se tornarão parceiras   da Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE) na distribuição e cobrança de energia eléctrica em Angola.

 

Anteriormente a estas diligencias, a filha mais velha de JES, Isabel dos Santos, foi  a primeira a constituir uma empresa distribuição de electricidade que assinou um acordo com a ENDE.

 

Na primeira semana de Junho do corrente ano, Isabel dos Santos comprou uma empresa portuguesa “Efacec Power Solutions”, que ficará com o negócio de fornecimento de equipamento energético de pelo menos três barragens, em fase de conclusão, em Angola, dentre as quais a de Cambambe e de Laúca. Por ser um contrato superior aos 9 milhões de dólares, terá de passar obrigatoriamente pela aprovação do Presidente José Eduardo dos Santos, conforme estabelece a lei.

Tema relacionado:

Isabel fica com barragens de Cambambe e de Laúca

 

Brandão assume interinamente assessoria económica da PR

Lisboa – O economista André Luís Brandão está assumir interinamente as tarefas de Secretario dos assuntos econômicos do Presidente da República, até José Eduardo dos Santos nomear um titular para este cargo, que era ocupado por Sérgio de Sousa Mendes dos Santos.

Fonte: Club-k.net

Recuperado para o circulo presidencial desde finais de 2013, Luís Brandão o cargo de Secretário do Presidente da República para os Assuntos de Contratação Pública. É também desde 2014, o coordenador da Unidade Técnica de Negociação (UTN), um   serviço técnico especializado, para a preparação, condução, avaliação e negociação dos procedimentos de contratação pública, cujas respectivas decisões de contratar e de autorização da inerente despesa estejam legalmente cometidas ao Titular do Poder Executivo.

 

André Luís Brandão foi durante 17 anos, Ministro dos Transportes. Na década de 80, ao tempo quatro da segurança de estado foi enviado para estudar na antiga RDA, onde fez o preparatório (Curso de língua na cidade de Dresden) e a licenciatura em economia de transportes em Halle.

 

Padre manda retirar retrato de JES da Igreja

Lisboa - O Pároco na Igreja Nossa Senhora de Fatima de Luanda, Frei Casimiro, ordenou recentemente a retirada de cartazes com a imagem do Presidente José Eduardo dos Santos colocados, sem autorização, por membros do MPLA, na véspera dos preparativos de uma missa de ação de graça. O caso criou embaraço para a Igreja Católica, gerando acusações de idolatria a JES.  

Fonte: Club-k.net

MPLA coloca imagem do seu líder, na paroquia,  sem autorização  

De acordo com explicações, a igreja havia programado, para o dia 21 de Agosto, uma missa de acção de graça para várias pessoas. Porém ao aperceberem-se da iniciativa, alguns membros do MPLA, solicitaram a inclusão do nome do seu líder, que completa 73 anos este mês.

O pedido foi aceite, contudo, no dia da missa, antes da mesma ser realizada, os paroquianos denunciaram junto ao pároco Frei Casimiro que a Igreja estava a ser invadida por elementos que estavam a colocar cartazes com a imagem do Presidente da República e com dizeres de adoração.

 

“Quando eu cheguei a Igreja reprovei essa atitude, fui consultar o pároco se sabia do que estava acontecer e ele me pediu para ir ter com os senhores com todo respeito para tirarem os painéis dai, fui ter com eles e me entenderam e removeram todos os painéis”, explicou o secretario do Pároco de Fatima, Fausto Toniutte, em reacção nas redes sociais.

 

Mesmo assim, segundo se soube, os militantes do MPLA distribuíram material de propaganda como camisolas e panfletos, no momento em que o padre celebrava a missa. Um grupo de militantes ficou na porta da Igreja, a oferecer as camisolas enquanto que outros distribuíam o seu material incomodando o acto religioso.

 

 

 

 

 

 

Quem Somos

CLUB-K ANGOLA

CLUB-K.net é um portal informativo angolano ao serviço de Angola, sem afiliações políticas e sem fins lucrativos cuja linha editorial consubstancia-se na divulgação dos valores dos direitos humanos, educação, justiça social, analise de informação, promoção de democracia, denuncias contra abusos e corrupção em Angola.

Informamos o público sobre as notícias e informações ausentes nos canais informativos estatal.  Proporcionamos ao público uma maneira de expressar publicamente as suas opiniões sobre questões que afectam o dia-a-dia, qualidade de vida, liberdades e justiças sociais em Angola... Leia mais

 
 

Direcção consultiva
- Barbosa Francisco  (New York) - IT
- Massano Jorge ( New York) - Editor Principal
- Juca Manuel (New York) - Editor
- Noel Pedro (Lisboa) - Revisor
- Marcos Miguel (Brasil) - Editor
- Júlio Beto - (Holanda) - Editor
- Simão Manuel - (França - Editor
- Juca Fernandes - (Alemanha) - Editor


Telefone: New York: (315) 636 5328

Contactos

 

  • E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

  • WhatsApp: (+244) 918 512 433 Para uso no aplicativo WhatsApp apenas!

  • Reino Unido : (+44) 784 848 9436

  • Buffalo / EUA: (+1) 347 349 9101 

  • New York /USA: (+1) 315 636 5328

Newsletter

Assine a nossa Newsletter para receber novidades diárias na sua caixa de e-mail.

INSERE O SEU E-MAIL

// TAG FOR ADVERTISEMENT