Lisboa -  A festa de Isabel dos Santos em Marraquexe ainda hoje dá que falar entre os convidados de honra. A filha do presidente angolano reuniu recentemente com o marido, Sindika Dokolo, um grupo restrito mas ainda assim numeroso de amigos, entre os quais se contavam alguns portugueses, no Amanjena, de longe o resort mais luxuoso do país. Só para dar uma amostra, basta dizer que o chamado pavilhão – ou ‘Pavilion’ – para duas pessoas custa a módica quantia de cerca de 1200 euros por noite.


Fonte: correio da Manha



Apesar do secretismo que rodeia tudo o que lá se passa, o Correio Indiscreto foi informado de que o casal Dos Santos terá ficado instalado na Al-Hamra Maison, uma das casas mais dispendiosas da estância de 5 estrelas, onde os hóspedes dispõem do serviço de mordomo, sala de estar e outra de jantar, lareira e dois quartos, ligados ao jardim, com piscina de água quente.


Local habitual de festas de multimilionários russos e americanos, xeques árabes e estrelas de cinema, o Amanjena de Marraquexe é dirigido, curiosamente, por um português, Miguel Guedes de Sousa de seu nome. Ali já estiveram instalados grupos musicais como os Rolling Stones e já actuaram figuras públicas como Shakira.


Cercado de fortes medidas de segurança – só entram hóspedes no interior da autêntica fortaleza que o rodeia –, o Amanjena torna impossível o acesso a paparazzi, o que terá sido uma das razões da escolha de Isabel dos Santos. Como nos diz um dos convidados portugueses, que pediu o anonimato, foi uma autêntica "festa das arábias". À angolana, claro.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: