Lisboa – O primeiro-ministro britânico David Cameron e a mulher, Samantha Cameron, encontravam-se com duas famílias amigas num 'pub', em Buckinghamshire, e com eles estavam também os três filhos. No momento das despedidas, Nancy, de oito anos, foi à casa de banho sem avisar os pais. Sairia de lá minutos depois sem ser capaz de encontrar a família.


Fonte: Revista Sábado


De acordo com o 'Daily Mail', o casal Cameron partiu para a sua casa de campo em carros separados, cada um pensando que a filha mais velha estava na outra viatura. Só quando o primeiro-ministro britânico chegou ao domicílio é que se apercebeu do que se passara. Ligou imediatamente para o 'pub', onde lhe asseguraram que a criança se encontrava bem.


Quando regressou ao bar, Cameron encontrou Nancy a ajudar alegremente os funcionários. Presumivelmente, a filha do casal estivera sozinha durante 15 minutos. O porta-voz do primeiro-ministro assegura que Cameron e a mulher assumem inteira responsabilidade e de que não culpam qualquer agente de segurança pelo sucedido.


Este episódio reforça as alegações, frequentes em vários meios de comunicação social, de que David Cameron é forte adepto do que os ingleses apelidam como "chillaxing", uma mistura de "chill" (descontrair) com "relaxing" (relaxar).



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: