Lisboa – A recente  ausência do   general  Manuel Hélder Vieira Dias Júnior “Kopelipa”, a semana passada foi  justificada em meios a si conotados como decorrente de uma deslocação aos Estados Unidos da America para proceder  as suas habituais consultas médicas de rotina. 


Fonte: Club-k.net


Desde os  últimos dois anos  que o general e Chefe da Casa Militar da PR,  efectuava deslocações constante a este  país, para visitar uma prestigiada clinica em Miami, onde teria se recuperado no tratamento de células cancerígenas  no tecido do  estomago. 


A semelhança dos outros países, onde os gestores públicos informam aos seus cidadãos sobre o seu estado de saúde, no caso angolano, o general “Kopelipa”  foi visto como alguém que procurou se preservar   para evitar alimentação de rumores por parte dos seus adversários  políticos tendo em conta que tal  diagnostico, seria interpretado pelos mesmos  como contagem regressiva dos seus dias de vida, ou que precipitaria pânico no seu circulo  político  e familiar.


A dada altura no  passado, o mesmo trabalhava apenas pelo período da manha e as 12h retirava-se. Logo a seguir, os seus adversários moveram-lhe uma campanha insinuando o seu provável afastamento da vida política. porem, depois de se ter totalmente curado, foram lhe atribuídos comentários em privado alegando que   se manteria de “pedra e cal”  no circulo presidencial enquanto  JES estiver no poder e corresponder a vontade do mesmo.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: