Lisboa –  O Presidente da República, José Eduardo dos Santos  concluiu a sua agenda respeitante as deslocações ao interior ao país para dar seguimento a campanha eleitoral as eleições de 31 de Agosto de que é cabeça de lista pelo seu partido, o MPLA.  


Fonte: Club-k.net

Agenda das deslocações do  candidato do MPLA

A digressão começa esta Quinta-feira (16) com a província da Lunda-Sul e Termina com a deslocação a Benguela. O líder do partido no poder ira visitar no total cerca de 10 províncias: A Saber:


- Dia 16: Lunda- Sul, Cidade de Saurimo
- Dia 17: Moxico; Luena
- Dia 20: Cabinda
- Dia 21: Zaire
- Dia 22: Huambo
- Dia 24: Huila
- Dia 25: Kuando Kubango
- Dia 26: Uige
- Dia 27: Benguela
- Dia 28 e 29: Campanha em Luanda


Eduardo dos Santos teve de rever a sua agenda a 09 de Agosto apos ter recebido um relatório que dava conta que o induziriam a proceder com inaugurações de obras inacabadas mas também pelo fraco nível de mobilização (caso concreto do Huambo).


Os seus opositores por outro lado acusam-lhe de tomar partido por se deslocar  na qualidade de Chefe de Estado e estando no terreno, proceder com inaugurações de obras que produzem efeito para a sua campanha como candidato as eleições. Na visão dos opositores ele leva vantagem tendo em conta que a media publica ficara centrada na pessoa dele representando desequilíbrio  no tratamento da informação. 


O caso esta a dar azo em Angola, debate segundo a qual nas próximas eleições, as autoridades eleitorais terão de criar normas no sentido de o governo cessante ficar proibido de fazer inaugurações e propaganda institucional em época de campanha eleitoral para não haver aproveitamento.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: