NOTA DE IMPRENSA

Luanda - O livro de contos “O homem que não tira o palito da boca”, do escritor João Melo, será traduzido para o espanhol e apresentado em Fevereiro de 2013 na Feira do Livro de Havana. Esse é o quinto livro de ficção do autor, que começou por publicar poesia. O mesmo já foi publicado em Angola, pela editora Nzila, e em Portugal, pela Editorial Caminho, ambas do Grupo Leya.


Entretanto, o conto “O celular”, incluído no terceiro livro de contos de João Melo – “The serial killer e outros contos risíveis ou talvez não” -, foi traduzido para francês, com o título “Le portable”, e publicado na edição de Setembro deste ano da revista literária The Black Herald, publicada em Paris. A tradução esteve a cargo de Cécile Lombard.


O mesmo conto foi traduzido para inglês por Luísa Alvim, com o título “The cellphone”, e deverá ser publicado no número de Março de 2013 da revista literária editada pelo Center of Portuguese Studies and Culture, da Universidade de Massachusetts Dartmouth, nos Estados Unidos.


João Melo escreve desde os 15 anos de idade, mas apenas começou a publicar aos 31 anos. É poeta, contista, cronista e ensaísta, tendo lançado até agora 13 livros de poesia, cinco de contos e um de ensaios. Em 2009, venceu o Grande Prémio de Cultura e Artes, na categoria de literatura.


Habitualmente publicado em Angola e Portugal, tem livros lançados igualmente no Brasil e Itália. Além disso, tem contos traduzidos para inglês, francês, árabe, mandarim e alemão.

Luanda, 29 de Outubro de 2012. 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: