Lisboa - Um homem detectado a conduzir embriagado numa rua de Aveiro, que se identificou como brigadeiro das Forças Armadas Angolanas, vai ser julgado pelo tribunal de Ílhavo no dia 23 de Novembro, informou fonte judicial.

Fonte: CM

O militar, acusado de um crime de condução de veículo em estado de embriaguez, compareceu esta segunda-feira à tarde no tribunal de Ílhavo para ser julgado em processo sumário, mas requereu prazo para a preparação da sua defesa.

O tribunal entendeu, assim, marcar para o dia 23 a audiência de julgamento do condutor, que incorre numa pena de prisão até um ano ou multa até 120 dias.

O militar foi interceptado no sábado à tarde pela PSP a conduzir aos ziguezagues, na rua Nova do Vilar, em Aveiro.

Segundo a PSP, o militar foi submetido ao teste de alcoolemia, tendo acusado uma taxa de 4,49 gramas de álcool no sangue, mais do triplo da "taxa crime", que é de 1,2. Posteriormente, na esquadra foi-lhe realizado novo teste, tendo acusado 3,58 gramas de álcool no sangue, sendo este o valor que será tido em conta no julgamento.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: