Ottawa - A Banda Movimento, adstrita a RNA, animou, em Ottawa, os festejos da independência de Angola que aglutinou as comunidades angolanas provenientes das cidades de Toronto, Montreal e Hamilton, bem como outros cidadãos.


Fonte: angop  
 

A banda faz-se acompanhar dos cantores Don Caetano, Edmazia e do grupo kudurista BWG e brindou a plateia com alguns dos seus sucessos como “Pelenguenha”, “Tá Amarrado”, “Njila ya Kuaku” e “Tá Stalar”. 
 
 
Don Caetano fez mexer a plateia com alguns dos seus trabalhos de maior sucesso, incluindo a faixa “Sou Angolano”, “Adeus a hora da Partida”, Diala Dia Ongo”, “Nova Cooperação" e “Tia”.  

 
O grupo BWG fez levantar a plateia, composta maioritariamente por jovens, que não quiseram perder nenhum passo dos seus movimentos coreográficos para gravar nas suas vídeo-camaras e celulares.
 
 
Edmazia foi a única que brindou a plateia com algumas cópias do seu primeiro e último trabalho artístico “Erro Bom” autografado. Lamentou não ter levado mais Cd pois a procura foi enorme.

 
Encantou a plateia com as faixas “Vou assumir”, Verdadeiro Amor”, “Não te Quero Mais” e “Erro Bom” que dá titulo ao álbum.
  
 
Algumas pessoas confessaram ter valido a pena ter percorrido quilómetros de estrada para assistir a um grande espectáculo.
  
 
Além dos artistas saídos de Angola, a plateia vibrou igualmente com números de dança nacional executada por angolanas residentes em Ottawa, assim como foi declamado, em forma de jogral, alguns poemas sobre o país.
 
 
No total, cerca de 500 pessoas lotaram a sala, mas 200 do que na festa do ano transacto que contou maioritariamente com os angolanos de Ottawa.


A deslocação da banda ao Canadá foi possível com apoio institucional da Missão Diplomática angolana, do Grecima, da TPA e da RNA, e do Banco Sol. 
 
 
A Banda Movimento actua na festa de Toronto neste final de semana.
 
 
Além de Toronto, que será já neste final de semana, estão agendadas festas para a celebração dos 37 anos da independência de Angola nas cidades de Montreal, província de Quebec, Hamilton, província de Ontario, bem como Edmonton e Calgary, província de Alberta.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: