Lisboa –  O Semanário AGORA, foi recentemente detido pelo grupo “Nova Vaga” ligado aos empresários irmãos “Madalenos”, onde desponta Álvaro Sobrinho (na foto), ex-presidente da comissão executiva do BESA. Desconhecido do público angolano, o grupo NV é externamente notabilizado pela ligação que tem ao jornal Correio da Manha, em Portugal.

Fonte: Club-k.net

O AGORA era até pouco tempo detido maioritariamente pela Global Media, uma sociedade de jornalistas criada  por Mário Paiva, Ramiro Aleixo e o falecido jornalista Joaquim Manuel Aguiar dos Santos. Constam igualmente no leque de acionistas o jornalista António Freitas e Fernando Martins.

A publicação circula desde 17 de Janeiro de 1997, no mercado e foi gerida ao longo destes anos pelo malogrado Aguiar dos Santos. No seguimento do perecimento do mesmo o jornal  passou a ser conduzido  pelo jornalista Ramiro Aleixo e um editor-chefe Júlio Gomes.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: