África do Sul - A fortuna de Nelson Mandela, esta avaliada em cerca de 4.1 milhões de dólares  será distribuída pelos seus familiares, pelo ANC, antigos funcionários e por escolas, segundo o testamento revelado publicaamente esta segunda-feira.

Fonte: Negocios

Os 4.1 milhões de dólares , sem contar com o valor dos direitos de autor, será repartida entre os familiares, antigos empregados, escolas que frequentou e pelo ANC (Congresso Nacional Africano em português).

O testamento tem 40 páginas e, no resumo que foi disponibilizado publicamente, é possível verificar que, o fundo da família de Madiba recebe mais de 96 mil euros e as receitas que provêm dos direitos de autor, nomeadamente do livro "Long Walk to Freedom".

Segundo a BBC, cada filho do primeiro Presidente negro da África do Sul vai receber mais de 200 mil euros durante o tempo em que estão vivos. O ANC vai receber também algumas receitas provenientes dos direitos de autor e alguns dos antigos funcionários da família vão receber pouco mais de três mil euros.

A casa nas imediações de Joanesburgo vai ser utilizada pelos descendentes directos do filho Makgatho Mandela, que morreu em 2005 devido a uma doença relacionada com o vírus da SIDA.

“É meu desejo que [a casa] sirva de local de reunião para a família Mandela de forma a [que a família] mantenha a sua união muito após a minha morte”, escreveu o Mandela no seu testamento, segundo a BBC.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: