Los Angeles Clippers - O proprietário do Los Angeles Clippers, Donald Sterling, foi banido para sempre da NBA  e devido a comentários racistas, informou nesta terça-feira (29) Adam Silver, comissário da liga americana da NBA.  Donald Sterling que em conversa privada pediu a namorada (amante) que não leve negros nos jogos da sua equipa ainda vai ter de pagar como multa 2,5 milhões de dólares.

 

Fonte: Glogo & Club-k.net

Em conversa telefónica, que vazou no ultimo domingo no site TMZ, Sterling reclamou com  da namorada por ter postado no instagram uma foto ao lado do ex-astro Magic Johnson, além de pedir para que ela não traga mais negros aos jogos da equipe.

 

"Estes negros os dou dinheiro para comprar comida, carros e casas quem os da isso", disse Donald Sterling de 80 anos de idade em conversa com a amante V. Stiviano de 31 anos de idade.


"Os pontos de vista expressados por Sterling são profundamente ofensivos e prejudiciais", declarou Silver, referindo-se a declarações do dirigente.

 

Com a punição, Sterling não poderá assistir nenhum jogo ou evento da NBA, nem aparecer em nenhuma instalação do Clippers ou participar nas decisões sobre o clube.


Pelo estatuto da liga americana, ele será forçado a se desfazer da equipe se houver um acordo entre 75% dos donos das demais franquias.


De acordo com a revista Forbes, o Los Angeles Clippers está avaliado em US$ 575 milhões. Empresário do sector imobiliário, Sterling comprou o Los Angeles Clippers em 1981 por apenas US$ 12 milhões.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: