Luanda - Considerada como a MVP do mais recente Campeonato Africano de Basquetebol disputado em Moçambique onde a equipa angolana sagrou-se campeã, a capitã da equipa Nacissela Maurício foi afastada da lista de pré-convocadas para o Mundial de Basquetebol feminino, a decorrer de Setembro a Outubro na Turquia.

Fonte: SAPO

Além de não incluir a até então capitã de equipa, o selecionador Aníbal Moreira optou por excluir Catarina Camufale, a vice-capitã de equipa que joga no Interclube.

 

Em declarações prestadas à Caras, Nacissela Maurício expressou o seu profundo descontentamento face à situação: “Sempre dei o meu melhor em defesa da camisola da nossa seleção, todas as vezes em que representei o nosso país fi-lo com honra, dignidade e orgulho. Todos os amantes da modalidade conhecem o meu trabalho, a minha dedicação e entrega em todos os momentos. Acho uma tremenda injustiça para mim e para a Catarina termos sido afastadas desta forma indecente. Acho que por tudo aquilo que fizemos em prol do desporto nacional, merecíamos ter tido um tratamento mais digno”.

 

Várias figuras do mundo do jornalismo desportivo manifestaram a sua discórdia e demonstraram apoio para com Nacissela, atleta que também havia sido considerada a MVP no Afrobasket de 2011, disputado no Mali e que deu origem à primeira conquista feminina da modalidade.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: