Luanda - Em política o Idiota Útil é um termo pejorativo usado para descrever simpatizantes soviéticos em países ocidentais. A implicação é que, embora a pessoa em questão ingenuamente pensa ser um aliado dos soviéticos ou de outras ideologias, eles são realmente desprezados pelos soviéticos e estavam sendo cinicamente usados.


Fonte: Club-k.net

Num sentido mais amplo, refere-se a jornalistas ocidentais, viajantes e intelectuais que deram a sua bênção - muitas vezes com fervor evangelístico - a tiranias e tiranos políticos, para assim convencer e público das possíveis utopias.


É alguém que se acha muito inteligente, mas é tão facilmente persuadido por bajulação de pessoas no poder, que está preparados à servir os seus fins e permitir-se de ser enganado.


O termo se aplica a todos que se engajam politicamente sem usar critérios analíticos, assim seguindo cegamente uma crença ou ideologia que o conduza para uma satisfação, a realização de uma utopia de mundo melhor. O termo não se restringe a uma posição política, pois pode ser aplicado a qualquer ideologia e crença.


O Spin doctor (termo em inglês cuja tradução é doutor em engano, manipulador de opinião) é um especialista em relações públicas e comunicação política, que pode escrever discursos, ser manager de eleições, porta-voz de um partido político, perito em sondagens, ou estar ao serviço de um governo.


No cenário político Angolano temos jovens Doctors inteligentes que infelizmente preferiram colocar os seus interesses pessoais acima dos interesses da nação. São esses jovens que deveriam usar o seu poder de argumentação para pelo menos aconselharem o partido do governo que os mesmos defendem a observar a má governação e a violência policial contra os direitos humanos. Esses idiotas úteis e spin doctors Angolanos nunca fizeram uma criticazinha ao MPLA/JES porque para eles tudo está bom nessa terra martirizada. É muito triste ver esses quadros competentes Angolanos jogarem ao lixo tudo aquilo que aprenderam na Universidade e vê-los criarem argumentos contrários às suas brilhantes mentes para a defesa de um regime violento “balizado” num estado policial implacável.


Esses são os idiotas úteis e spin doctors da linha frontal Angolana com muita pena minha. Pelo menos retirem os apelidos de analistas e assumam de uma vez por todas que estão ao serviço do MPLA/JES porque até meu filho que está no Ensino Médio já consegue fazer a leitura das vossas análises parciais e todo este povo lamenta a vossa perdição. Que a história vos perdoe!



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: