Segundo o responsável da Comissão de reestruturação da ANIP, quer o Banco Nacional de Angola, o Instituto de Supervisão de Seguros, bem como os órgãos de Direcção da Economia de Angola, estão em prontidão para não pôr em risco a solidez do mercado financeiro angolano.

“O mercado financeiro angolano está bem, mas talvez os créditos que existam sejam agora mais escassos muito em detrimento da Crise”, frisou Aguinaldo Jaime, em entrevista exclusiva ao Programa de Economia do Canal 2 da TPA.

Entretanto, de acordo com o responsável, Angola, acumulou reservas no passado que lhe permitam resistir situações como esta.

Fonte: TPA


DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: