Lisboa - Angola não está a passar pela melhor fase, tanto a nível político, como económico e social. Ora, quem se mostrou preocupado e solidário com esta situação foi Anselmo Ralph, que apesar de estar longe da sua ‘terra’, mostrou todo o seu afeto para com os seus compatriotas:

Fonte: Lusa

“Minha Terra minha mãe, meu canto meu teto, não estamos a passar por um momento fácil, mas eu acredito em nós, acredito na nossa força. Somos sobreviventes natos, "ou vai ou racha" mas nós vamos conseguir mais uma vez, somos peritos em levantar e sacudir a poeira, somos pais somos mães, somos doutores somos ambulantes, somos trabalhadores somos estudantes, somos filhos da mesma mãe, nós somos ANGOLA. Que DEUS esteja connosco neste momento que nos dê amparo e consolo. Mas vamos conseguir, eu acredito em nós”, escreveu na sua página de Facebook.

 

Desde logo o artista foi apoiado por inúmeros fãs que partilharam com ele as mesmas angústias.

 

De recordar que um dos casos mais mediáticos no momento tem a ver com a condenação de 17 ativistas, entre eles Luaty Beirão. As penas variam de dois anos e três meses a oito anos e seis meses de prisão. Os réus foram acusados de atos preparatórios para uma rebelião e associação a malfeitores.

 

Luaty, uma das grandes figuras do caso, foi condenado pelo Tribunal de Luanda a cinco anos e seis meses, pena que já começou a cumprir.

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: