Cidade do Cabo - Porque razão a TPA e a TV Zimbo não promoveram até à presente data um debate sobre a inconstitucionalidade e ilegalidade da nomeação de Isabel dos Santos nos seus respectivos programas de terça-feira? Trata-se, indiscutivemente, de um assunto de interesse público e como tal merecedor de tratamento e debate nos órgãos de comunicação social!

Fonte: Club-k.net

Essa nomeação não pode ser feita pelo Presidente da República, por um lado; e Isabel dos Santos encontra-se numa situação de incompatibilidade para o exercício desse cargo de PCA por ter empresas que foram e/ou ainda são parceiras da Sonangol em negócios comuns, por outro lado.



O que se passa com a providência cautelar intentanda por um grupo de advogados angolanos junto do Tribunal Supremo de Angola? O processo está em marcha? Este tribunal já notificou o Presidente da República para se pronunciar sobre a nomeação de sua filha Isabel dos Santos para o cargo de PCA da Sonangol?


Porque razão o Procurador-Geral da República não assume as suas responsabilidades decorrentes da lei em relação a esses atropelos à Constituição e à lei?

Fernando Macedo
Cidade do Cabo, 12 de Setembro de 2016

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: