Luanda - No tempo de antena extra que a TPA concede diariamente ao MPLA, depois do telejornal, em detrimento das demais forças políticas, concorrentes às Eleições de 23 de Agosto, essa Estação televisiva apresentou uma sequência de três episódios, pretendendo comprometer a campanha eleitoral da CASA-CE, com apelos à desordem e à Violência.

Fonte: Csasa-ce

No 1º Episódio, apresentou uma jovem, que diz ter sido agredida, por mais de 300 militantes da CASA-CE. Do que pudemos ver nas imagens, a jovem não tinha uma ferida, não tinha um inchaço, e a principal queixa física que apresentou, foi o seu cabelo despenteado, que diz que aconteceu, quando lhe arrancaram o chapeu da cabeça, que quase lhe arrancavam o cabelo.

Depois apresentaram umas declarações do Dr. Makuta Nkondo, numa dissertação perante populares, onde se alega ter incitado a actos de violência.

Por último, voltaram à acontecimentos de 1991/92, acusando o Presidente da CASA-CE de ter dito que iria “somalizar” Angola.

Sobre a matéria, somos a referir o seguinte:

1. A CASA-CE é uma força política que pugna pela paz, pela ordem e tranquilidade do país e das suas populações, e que concomitantemente, condena todo o apelo à Violência gratuita.

2. A CASA-CE tem a convicção de que a paz, a ordem e a tranquilidade só são verdadeiramente possíveis, num quadro nacional de respeito à Lei e à Verdade, e que os promotores da ilegalidade e da mentira não promovem paz, ordem e tranquilidade. Pelo contrário, são deliquentes incendiando a pradaria.

 

3. Na eventualidade de ter havido algum distúrbio causado à jovem que alegou ter sido molestada fisicamente, a CASA-CE apresenta as suas excusas. Porém, reitera, que a imagem daquela jovem, era de tudo, menos de alguém que tivesse sido barbaramente espancada por 300 militantes.

 

4. O episódio que se atribui ao Dr. Makuta Nkondo, remonta ao ano de 2015 e não tem nada a haver com a presente Campanha Eleitoral. Por outro lado, houve uma manipulação no quadro apresentado.

 

5. O Presidente Abel Chivukuvuku já esclareceu, por diversas vezes, a questão de 1991/92 –Sobre a suposta “somalização de Angola”. Trata-se aqui da mera intenção de desenterrar cadáveres, com fins eleitoralistas.

 

6. A Verdade, porém, é que Makuta Nkondo não queimou nenhuma Administração, Abel Chivukuvuku, que ficou em Luandaapós as Eleições de 1992, não “somalizou” Luanda e a menina, está boa de saúde e aspecto.

Entretanto, cabe lembrar o seguinte:

 

1. Até hoje, o MPLA não mostrou o local das valas comuns, onde deitou os corpos dos milhares de angolanos que estavam sob sua custódia, nas cadeias e, sem julgamento, foram friamente assassinados, durante meses a fio, numa autêntica peça de terror. Até ao presente, não comunicou aos familiares das victimas sobre a morte dos seus entes queridos e o destino que tiveram os seus corpos. Aqui não se está a falar de ameaças, mas de consumação de assassinatos.

 

2. O Governo do MPLA, através do seu Aparelho, assassinou Cassule e Camulingue, pela simples razão de participarem em manifestações políticas, e o corpo de um deles, foi atirado aos Jacarés, conforme se alegou.

 

3. O Governo do MPLA, através da sua máquina, mormente a Segurança pessoal do Sr. Presidente da República, assassinou, friamente e pelas costas, um jovem desarmado e sob sua custódia, pelo suposto crime de ter estado a colar Cartazes, numa área pública. Trata-se do jovem que pertenceu à nossa JPA, Engenheiro Hilbert de Carvalho Ganga.

 

4. E quantos assassinatos mais não se cometeram gratuitamente? Não foi o cão-polícia do MPLA que mordeu a mão do Luaty Beirão, em plena praça da Independência, apenas porque estava a manifestar-se??

 

O MPLA não foi um dos beligerantes da guerra civil? Pois, a CASA-CE náo teve nada a ver com a guerra! A CASA-CE é uma força política de bem, de paz e de ordem. A CASA-CE quer um Estado de Direito e Democrático. A CASA-CE não é corrupta, não rouba o dinheiro do povo depositado nos bancos, a exemplo do BESA e BPC, entre muitas outras patranhas, que fazem do nosso País o símbolo da corrupção, no Mundo! A CASA-CE não é a responsável pela miséria que grassa no nosso País e, é por isso que, o MPLA vai perder as Eleições e a CASA-CE vai ganhá-las.

 

5. Durante muito tempo andaram a esconder as imagens, com os banhos de multidão dos comícios da CASA-CE e, depois do Comício do Centro de Luanda, os ter surpreendido, o tigre de papel ficou com medo e agora forja mentiras.


Vêmo-nos no dia 23.

Vice-Presidente da CASA-CE, André Gaspar Mendes de Carvalho

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: