Lisboa - Foi  compulsivamente reformado/afastado, o responsável do Serviço de Informação (SINFO), na Gabela, província do Kwanza Sul, internamente conhecido por “Fidel”.  Lhe foram  atribuído envolvimento com uma senhora afecta a UNITA.


Fonte: Club-k.net


Namoro proibido por interesses políticos

O mesmo  esta agora no Sumbe. Na  versão mais consistente, denotam-lhe vontade  em freqüentar um curso superior no pólo Universitário local.


O Ex-oficial respondia a um operativo superior, Júlio César que na província exerce as funções de delegado do Sinfo.


O Serviço de informação no Kwanza Sul, esta agora a erguer uma nova instalação em Mussende,  numa área a cerca de 100 KM da Gabela. Nos municípios, os agentes trabalham a paisana com estrita cooperação com a polícia. Semanas antes das eleições, o comandante da polícia na Gabela prendeu um activista político que colhia assinatura para subscrição do seu partido após ter sido notificado pela rede de Fidel.


Na notificação, a rede  informava  a cerca da  presença de um  activista político na área sem militância ao MPLA.  Na apreciação interna, feita pelo Comandante da Gabela  foi invocado que o activista não se apresentou as autoridades políticas, e que as suas palavras “enganadoras” eram um problema de insegurança razão pelo qual foi detido.

 

-- Nota: Consulte --
* Últimos artigos/relacionados publicados: - SINFO no Club-k

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: