Alemanha - Militares apareceram na televisão estatal a anunciar um golpe de Estado. Foram ouvidos tiros junto à sede da estação. Há ainda relatos de que as ruas da capital, Libreville, estavam a ser patrulhadas por tanques e veículos armados.

Fonte: DW

Um grupo de soldados apelou na rádio estatal gabonesa à população para se insurgir e anunciou a criação de um "conselho nacional da restauração". O Exército disse ter tomado o controlo do Governo para "restaurar a democracia" no país.

 

"Chegou o tão esperado dia em que o Exército decidiu colocar-se do lado da população para salvar o Gabão do caos", afirmou um militar na rádio. "Se estão a comer, parem. Se estão a beber, parem. Se estão a dormir, acordem. Acordem os vizinhos… Ergam-se e tomem o controlo das ruas".


O militar pediu à população para ocupar edifícios públicos e os aeroportos do país.


O Presidente do Gabão, Ali Bongo, de 59 anos, está no poder desde 2009 e ficou doente em outubro passado. Está atualmente em recuperação, em Marrocos. A família Bongo governa o Gabão há cerca de 50 anos.


(em atualização)



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: