Ao
Departamento de Supervisão Comportamental
do Banco Nacional de Angola
LUANDA

Assunto: RECLAMAÇÃO

Exmos. Senhores,

Eu, Fernando Gonçalo Cangundo, de Nacionalidade Angolana, portador do Bilhete de Identidade 003434377LA036, residente em Portugal, Avenida da República 50, 2 Piso, 1050-196, Lisboa.



Venho pela presente, denunciar a Administração do Banco Angolano de Investimento por causa dos EXCESSOS DE INCOMPETÊNCIAS por parte da Sr.ª Inokcelina Ben’Africa C. Correia Dos Santos, uma vez que no passado dia 19 de Outubro de 2018, foi responsável pelos BLOQUEIOS das minhas contas bancárias 063126325 10 001 e 097271006 10 001, sem motivos nenhum, violando o artigo 4.º do Aviso 12/2016 (PROTECÇÃO DOS CONSUMIDORES DE PRODUTOS E SERVIÇOS FINANCEIROS) do Banco Nacional de Angola de 18 de Julho, que estabelece as normas de conduta deontológica e ética profissional, bem como infracções e procedimentos sancionatórios aplicáveis.


De salientar que já dirigi várias cartas por escrito para o Incompetente do Gerente do Balcão de Domicílio Talatona 510, a solicitar o encerramento das minhas contas bancárias, até o momento sem sucesso.


Em função disso, solicito em carácter de urgência uma resposta por parte do Departamento de Supervisão Comportamental do Banco Nacional de Angola e um prazo de adequação para reaver os meus valores monetários num total de 13.680.773,15 Kz (Treze Milhões e Seiscentos e Oitenta Mil e Setecentos e Setenta e Três Kwanzas e Quinze Cêntimos). Caso isso não ocorra, teremos que tomar as devidas providencias cabíveis que a lei nos permite para sanar os prejuízos.

Antecipadamente grato pela colaboração de V. Exª.,

Atentamente

Fernando Gonçalo Cangundo



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: