Luanda - Começou o processo de entrega de terrenos para a construção auto-dirigida, enquadrado no programa de um milhão de casas, apresentado pelo MPLA, durante as eleições legislativas de 2008.

Fonte: Radio Eclesia

 

enquadrado no programa
 de um milhão de casas

 

Neste momento, as administrações municipais estão a proceder à inscrição das pessoas que precisam de terreno para a construção de uma moradia. 
 

O vice-governador de Luanda, Bento Soyto, garante que todas as administrações municipais vão receber um pacote de lote de terreno para distribuir aos seus munícipes.


Bento Soyto considera que este processo vai permitir as populações adquirirem as suas casas e acabar com a ocupação ilegal de terreno, em Luanda.


E o activista da SOS Habitat, Luís Araújo, considera que esta não é a solução adequada para que os cidadãos possam adquirir as suas moradias. Luís Araújo aponta como solução a organização dos bairros e urbanização dos municípios. 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: