Luanda - A carreira profissional na Europa pode ser o destino do jovem talento angolano Moisés.  O polivalente internacional pela selecção de sub-20 é a mais nova atracção da equipa de juniores do 1º de Agosto.

Fonte: Club-k.net

O jogador agenciado pela PREMIUM FOOTBAL, do mediático empresário Wilson  Sardinha, rubrica ao serviço da jovem equipa militar uma carreira de sonho, que desperta a atenção de olheiros no exterior do país.


Moisés está a ser fortemente cobiçado por alguns clubes portugueses, com destaque para o Sporting Clube de Portugal, para transferir-se para a Academia de Alcochete, estando a contribuir para tal o facto do jovem estar a viver uma das suas melhores épocas, associada a recente presença nas selecções de sub-17 e sub-20.


"Tenho procurado cumprir com o meu papel. O meu grande sonho é jogar na Europa, mas espero que tudo aconteça com toda a naturalidade. Não quero esforçar absolutamente nada. Espero aprender bem, contribuir para os êxitos do 1º de Agosto e depois, quem sabe, um dia abraçar uma carreira no exterior do país", disse o jovem central.


Apesar de não confirmar que esteja a ser cobiçado por clubes portugueses ou que é desejado pelo Sporting de Portugal, Moisés deixa claro a sua ambição em alcançar altos patamares na carreira. Apelidado de "Bastos Kissanga do 1º de Agosto", dadas as semelhanças da sua forma de jogar com as do experiente internacional angolano da Lazio de Itália, o jovem atleta não esconde a admiração pelo central dos Palancas Negras.


"É o meu ídolo. Gosto muito da sua forma de jogar e quero ser como ele, crescer como futebolista no meu clube e na selecção. O meu grande objectivo é evoluir todos os dias. Espero também chegar à equipa principal do 1º de Agosto", confessou. Moisés acredita que as experiencias nas selecções de sub-17 e de sub-20, bem como as competições na Taça Cosafa e no CAN ajudaram-no a crescer enquanto futebolista. Agradece as oportunidades que teve de poder trabalhar com o seleccionador Pedro Gonçalves, mas admite ter sido com o técnico Telmo Costa.

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: