Lisboa – A JALC - Consultores e Prestação de Serviços, Limitada empresa ligada a família Lourenço é identificada no relatório de gestão de 2018 da imobiliária Imogestin - que o Club-K tece acesso -  como integrante da sua estrutura acionista detendo uma participação de 15%. Os outros sócios são o Banco BAI, o Grupo ENSA (Estado angolano), a Homeshop (Rose e Ana Lúcia Louro Palhares), Multivest (off Shore registrada na Holanda), e outros.

Fonte: Club-k.net

Fundada a 12 de Maio de 1995, a JALC - Consultores e Prestação de Serviços, Limitada é detida por Ana Dias Lourenço e as filhas Jéssica Lourena Dias Lourenço dos Santos, Cristina Geovane Dias Lourenço. Em Janeiro de 2017, o advogado da família, José Segunda da Silva recorreu ao cartório notarial das lojas dos registros de  Luanda para formalizar a inclusão de uma quarta acionista, Ana Isabel Dias Lourenço.

 

No dia  27 de Fevereiro daquele ano, a JALC que tem as inicias das filhas do casal presidencial realizou uma assembleia de membros, em que destituiu Custodia da Encarnacão Dias dos Santos como gerente da sociedade e em seu lugar foi colocada Cristina Lourenço. Para além da Imogestin, a JALC,  faz também parte da estrutura acionista da Companhia de Cervejas de Angola S.A, cuja fábrica foi construída na província do Bengo.

 

Em 2015, o então Presidente da República, José Eduardo dos Santos transferiu para a Imogestin, responsabilidades da Sonangol Imobiliária e Propriedades (Sonip), que conduziu até então vários projectos imobiliários em nome do Estado. Existente desde Julho de 1998, a imogestin, tem participações na GMI - Gestão e Manutenção Imobiliaria (35%), AKI - Hotéis & Resorts, Lda (60%), Sociedade Hotel Términus N ́Dalatando (60%) Sociedade Hotel Términus Lobito, Lda (60%), Iparques (55%), Panservice (27%), e na imobiliária Prominves (30%).


Tema relacionado

JES envolve Lourenço nos negócios privados

 

Loading...
 

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: