Huambo - Um cidadão de nome Cristóvão Tchiajungulo de 58 anos de idade é acusado de tirar a vida da mulher, 3 filhos e uma neta. O acto bárbaro aconteceu na comuna de Cabrigro, Município de Tchicala – Tcholohanga, Província do Huambo, terá decorrido no dia 11, mas só foi descoberto Sábado, 13/2.


Fonte: TPA

Irritou-me e abrigou-me a pegar no machado

O homicida que já está a contas com a justiça, antes da sua detenção ainda tentou suicidar-se.
 

Segundo declarações de alguns familiares, Cristóvão era muito violento, o que provocou a separação do casal. Insatisfeito, Cristóvão Tchiajungulo seguiu a mulher com objectivo de tirar a vida da mesma e dos meninos que a acompanhavam.


“Fomos surpreendidos com isso, não esperávamos que ele levaria esta atitude”, disse o Soba da Aldeia, acrescentando nunca ter visto algo igual.


Falando a imprensa, em língua nacional Umbundu, o homicida disse ter sentido frustrado pelo facto dos filhos, esposa e netos terem decidido abandona-lo. “Senti-me frustrados. Os filhos e a mulher não prestam, seguiam o juízo da mãe, e isto irritou-me e abrigou-me a pegar no machado e cortejar a própria mãe e os filhos”, explicou o suicida.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: