Luanda - O Tribunal da Comarca de Benguela, em Angola, absolveu nesta segunda-feira, 3, o jornalista Francisco Rasgado no processo-crime sobre difamação e injúria movido pelo antigo governador provincial, Rui Falcão, por considerar que o fundador do jornal Chela Press observou as normas da profissão na notícia sobre a transferência do equipamento do Governo provincial para empresa privada CCJ.

Fonte: VOA

Na leitura do acórdão, em quase 40 minutos, o juiz António Santana explicou que Rasgado, de 64 anos, teve uma prestação ajustada ao momento actual, assente na defesa do interesse público por via de denúncias de irregularidades na gestão do erário.


A defesa do agora secretário para informação e propaganda do MPLA prometeu recorrer da decisão.


(Em actualização)



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: