Cuanza-Norte - O Gabinete da Comunicação Social do Governo Provincial do Cuanza-Norte, tomou conhecimento de uma informação posta a circular nas redes sociais, por alguém que se intitula de Gutembergue Pereira Matias, a destacar que “ADRIANO MENDES DE CARVALHO, GOVERNADOR DO CUANZA NORTE, SUPER MAGISTRADO DO MINISTÉRIO PÚBLICO, ORDENA A DETENÇÃO DE CIDADÃO NO MUNICÍPIO DE CAMBAMBE”.

Fonte: CN

De acordo ainda com o teor da mesma, argumenta que, o cidadão em causa é um activista que procurava advertir, a Vice-Governadora para o Sector Político, Social e Económico, sobre os riscos de procederem ao entulho da ponte sobre o rio Kapakala, que desabou devido às enxurradas do dia 08 de Maio, que se abateram sobre a cidade do Dondo, Município de Cambambe.


Por esta razão, o Gabinete Provincial da Comunicação Social, vem por esta via esclarecer o seguinte:

Tais argumentos não correspondem à verdade, porquanto, o cidadão em causa, foi o protagonista de um alvoroço, instigando a população, a sublevar-se contra as Autoridades Locais, proferindo inclusive palavras insultuosas. Na sequência, o escolta da Vice-Governadora, procurava a calmá-lo, mas o mesmo, em reacção, partiu de imediato à agressão contra o escolta para lhe retirar a arma, rasgando suas vestes, facto que foi prontamente impedido pelos agentes da Ordem Pública que asseguravam o local. E nesta altura, o Governador Provincial encontrava-se a presidir uma reunião da Comissão Provincial de Protecção Civil.

Importa referir que, o comportamento do cidadão em causa, é qualificado como crime, a luz do Código Penal Angolano.

Entretanto, informa-se que, o Governo Provincial junto das Entidades Competentes, desencadearam um conjunto de mecanismos, para de forma provisória, proceder à abertura da via, permitindo, deste modo, a circulação de viaturas, pessoa e bens, para as distintas regiões do País.

Assim, o Gabinete Provincial da Comunicação Social apela à sensibilidade de todas as forças vivas da sociedade face ao sofrimento das famílias sinistradas, devendo, neste momento difícil, estarmos todos engajados em acções viradas para às soluções, e não partir por atitudes ou actos que criem pânico junto das populações e dos sinistrados em particular.

Portanto, alerta a população a manter-se calma e a não compactuar com tais comportamentos, pois o Governo tudo está a fazer para mitigar a situação.

GABINETE DA COMUNICAÇÃO SOCIAL em Ndalatando, aos 11 de Maio de 2021.

O DIRECTOR,
MAYAMA JORGE SALAZAR

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: