Huila - De lá, para cá, muito se tem debatido sobre o combate a corrupção, caça aos marimbondo, e resgate dos bens públicos (bens patrimoniais e não patrimoniais) que certos funcionários públicos, andaram a apropriar se indevidamente, demonstrando o não cumprimento de normas fundamentais da constituição (legalidade) e desrespeito as leis conexas como a Pauta Deontológica e Lei da Probidade Publica (interesse publico, lealdade, zelo e dedicação, responsabilidade e responsabilização, imparcialidade, cortesia, descrição…) não reduzindo a importância de outros diplomas legais.

Fonte: Club-k.net

A pergunta que não quer calar, no quotidiano (no povo), é, a seguinte: Será que a fome poderíamos enquadrar em termos da sua resolução na premissa académica clássica organizacional de curto, médio e longo prazo?

 

Há um velho adágio que diz o seguinte: "para um bom entendedor, meia palavra basta" Fim de citação.

 

Outrossim, dizia o fundador da Nação angolana, o saudoso António Agostinho Neto: o mais importante é (…). Por favor, a vida e feita por prioridades, tal como definimos na nossa vida pessoal como : ter um ofício e casa próprio, no outro lado do oceano, alguém (as pessoas de direito) também deve definir prioridades.

 

Para findar, caro leitor, não se pode descurar alguns sábios pensamentos de pessoas que nos ensinam, que não há melhor caminho que não seja a prática, que esta cientificamente a provado que nenhuma ciência. é valida se não passar por demonstrações (…), nos seguintes dizeres: "Não discuta. Em sociedade nada deve ser discutido. Dê apenas resultado". Benjamim Disrael 1804 – 1881 Fim de citação.

 

Tenho dito.

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: