Lisboa - O Serviço de Recuperação de Ativos da Procuradoria-Geral da República (PGR), aprendeu neste final de semana uma hospedagem (Sasha River Lodge), na província do Cuando Cubango, integrada no patrimônio do antigo governador Francisco Higino Lopes Carneiro.

 

Fonte: Club-k.net

O “Sasha River Lodge” situa-se na localidade de Luiana, Município do Rivungo, também conhecido por “Bico de Angola”. A sua apreensão enquadra-se no processo de investigação patrimonial 01/2019-SENRA. A mesma foi levada a cabo por uma comissão da PGR proveniente de Luanda, que está trabalhar desde o passado dia 3 de Julho, nesta província mais ao sul do país.

 

A comissão na qual integram elementos do SINSE, e SIC, iniciou o seu trabalho fazendo uma vistoria a representação da Casa de Segurança do PR, resultando na apreensão de 20 militares.

 

Segundo apurou o Club-K, estes especialistas estão trabalhar em processos antigos que envolvem antigos governadores provinciais do Cuando Cubango. A comissão está mandatada para “atacar” as administrações municipais, departamento provinciais e uma divisão das Forças Armadas Angolanas.

 

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: