Sumbe — Todos os partidos da oposição angolana disseram que vão impugnar a nomeação de Maria Cristina Ndemby para presidente da Comissão Provincial Eleitoral,CPE, do Kwanza Sul.

Fonte: VOA

A decisão foi anunciada em conferência de imprensa pelos representantes locais da UNITA, CASA CE, FNLA e PRS.

 

O segundo secretário da UNITA Nelson Custódio disse que Ndemby, que anteriormente ocupou aquela posição durante 10 anos, se encontra reformada, não é magistrada e “não reside na nossa província há três anos”

 

O secretário provincial da FNLA Adriano Viegas disse por seu turno que “o Mpla está consciente de que está a violar as leis constitucionais". acrescentando que a oposição não entende a nomeação de Ndemby que está reformada.

 

“O MPLA tem que aprender a dialogar com a sociedade”, acrescentou.

 

Já o representante da CASA CE disse que o processo de nomeação “é um processo de todos nós, dos partidos políticos”.

 

"Nós vamos até as últimas consequências e se até lá não tivermos solução, nós não teremos outro caminho senão enveredarmos noutro processo que também a lei estabelece. Nós podemos saír às ruas. Nós vamos saír às ruas”, ameaçou.

 

Para os secretario para informação do PRS, Anastácio Fernandes, a nomeação daquele entidade tem como objectdivo falsificar as eleições no Kwanza Sul.

 

"Na nossa análise crítica, isto é fraude”, acrescentou

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: