Luanda - Akwa Zombo (AKZ) apoia a Iniciativa Humanista e Corajosa da OMUNGA em prol da defesa dos interesses das populações vítimas de demolições e de desalojamentos forçados na província de Benguela.

 
Fonte: Club-k.net

Akwa Zombo (AKZ) manifesta a sua solidariedade para com as populações afectadas pelas demolições e desalojamentos forçados na província de Benguela e nas outras províncias de Angola, e apresenta os seus sentimentos de pesar às famílias enlutadas como consequência directa ou indirecta das demolições e dos desalojamentos forçados.

 
A Associação dos Originários e Descendentes de Zombo -

Akwa Zombo exige a cessação imediata de demolições, desalojamentos forçados e outras violações de direitos humanos em todo o território nacional, e convida o Governo de Angola a tomar as medidas correctivas pertinentes para repor a ordem e a estabilidade social das populações concernentes à luz das leis da República de Angola e das Convenções Internacionais por ela subscritas.

 
A Associação dos Originários e Descendentes de Zombo - Akwa Zombo (AKZ) chama a atenção dos autores morais e materiais de demolições, desalojamentos forçados e outras violações de direitos humanos em Angola sobre a sua responsabilidade penal, individual e colectiva, à  luz das leis da República de Angola e do Direito Internacional.

 
Esta Iniciativa da OMUNGA em prol da defesa dos interesses das populações angolanas entra nos anais da Historia de Angola e constitui uma fonte de inspiração para as gerações vindouras que encontrarão nesta Mensagem uma referência útil de luta para a Justiça.

 

Deus É e Será o nosso Testemunho!

 
Prof. Dr. Ngingilu J. Daves, Akwa Zombo (AKZ) (foto à dir.)

Luanda, ao 25 de Março 2010.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: