Luanda - Uma fábrica de transformação de produtos diversos de campo vai ser apresentada publicamente no sábado, 30, na província do Bengo, numa parceiria do Conselho Nacional da Juventude (CNJ).

Fonte: Club-K.net

De acordo com uma nota enviada ao Club-K, a unidade fabril passará a transformar os produtos vindos dos mais variados campos de cultivo, fruto do Programa Juvenil de Apoio à Produção Nacional (PROJAPRON), levado a cabo pela maior plataforma juvenil.

Na nota, a organização esclarece que, “na fábrica, doravante parceira exclusiva do Conselho Nacional de Juventude, os produtos enlatados e embalados, constarão com a logo marca do CNJ”, num investimento que segundo consta poderá empregar mais de dois mil jovens e vai proporcionar estágios remunerados a cerca de cem jovens anualmente.

A referida infraestrutura, conta ainda com um entreposto de três frigoríficos, cada um corresponde a 150 toneladas, num total de 450 toneladas, um condomínio com dez casas para os trabalhadores, um campo de produção com mais de dez hectares para aulas práticas de cultivo de vários produtos.

De acordo com o Conselho Nacional da Juventude, a fábrica vai financiar antes de qualquer produção, as cooperativas e jovens agricultores, e terá a capacidade de proceder à recolha de produtos de campos agrícolas de jovens nas 18 províncias do país.

O acto de apresentação de sábado vai ser presidido pelo líder do CNJ, Isaías Kalunga, que é igualmente membro do Conselho Económico e Social do Presidente da República e visa celebrar o primeiro ano de mandato 2021-2026.

A delegação que vai integrar membros de direcção do Conselho Nacional da Juventude será recebida pela Governadora da Província do Bengo, Mara Quiosa, que com o CNJ, poderá abordar a importância da fábrica e os ganhos que a juventude local e do país terá com o seu funcionamento.

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: