Lisboa – As autoridades angolanas prenderem recentemente um soldado da Unidade de Segurança Presidencial (USP) que se encontrava em Barcelona por ter alegadamente participado no vazamento de um áudio informando da ocorrência da alegada retirada de mobílias da residência onde vivia o falecido Presidente José Eduardo dos Santos (JES), no Reino de Espanha.

Fonte: Club-k.net

Segundo fontes do Club-K, o soldado encontrava-se em missão de serviço em Barcelona, porém, quando ocorreu o vazamento do áudio em que se podia identificar a sua voz, foi ordenado que apanhassem o próximo voo para Luanda, onde de seguida lhe foi baixada a ordem de prisão assim que aterrou no aeroporto “4 de Fevereiro”.

 

Não há informação sobre o que as autoridades angolanas pretendem fazer com o mesmo.

 

Em 2015, ocorreu um episódio de roubo de beijo roubado ao PR, José Eduardo dos Santos por parte de uma antiga companheira Maria Luísa Abrantes “Milucha” precipitando o afastamento e a consequente detenção dos responsáveis da escolta presidencial que estavam de serviço daquele dia. Os mesmos foram inquiridos por uma comissão em Luanda, impedidos de ausentarem se do quartel.

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: