Lisboa  - O Estado angolano fez-se presente no décimo  congresso da água acolhido no hotel pestana de Alvor praia, Algarve Portugal de 21 a 24 do corrente mês. Esteve sob agide da associação portuguesa dos recursos hídricos.


Fonte: Club-k.net


Repartido em 20 Sessões de debate, Angola esteve  representanda por, Lucrécio Manuel da Costa, que é um engenheiro cujo prestigio é reconhecido em meios acadêmicos em Portugal. O mesmo foi até pouco tempo Presidente do Conselho de administração da EPAL, tendo  moderado  o tema, da sessão 17, “Planeamento, gestão e sustentabilidade”.


Fez ainda parte da conferencia, um alto funcionário do ministério do ambiente, Luís Oliveira que no governo saído das eleições de 2008 ocupava a posição de vice Ministro do organismo governamental em referencia. Coube-lhe estar no painel sobre o tema “modelação  matemática em aqüíferos costeiros. Aplicação a dois casos de estudo em países africanos: Angola e Tunísia”


De referir que na manha do dia seguinte, Lucrécio da Costa animou também uma palestra sobre Água/Ambiente, no auditório Agostinho da Silva da ULHT que terá despertado o interesse de estudantes angolanos que freqüentam o curso de Ambiente naquele pais, conforme constatação em meios acadêmicos.


Estas iniciativas assinalaram o Dia Mundial da Água ocorrido a 25 de Março com uma participação no 10.º Congresso da Água, que reuniu em Algarve mais de 400 especialistas nacionais e estrangeiros para discutir as problemáticas relacionadas com os recursos hídricos. Criado pelas Nações Unidas em 1993. O Dia da Água visou alertar para a necessidade do correto e eficiente uso da água, chamando a atenção para um bem limitado e essencial à vida que não deve ser desperdiçado, conforme anunciado pelas autoridades portuguesas.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: