Lisboa - Os estúdios da “Photopapi” do fotografo e marketeiro angolano Antônio José Santana Penelas, foi no passado mês de março distinguido pelo “Prestige Awards” da Inglaterra como o melhor estúdio fotográfico de África para o ano de 2023/24.

Fonte: Club-k.net

Na avaliação feita, a “Prestige Awards” argumenta, ter levado em conta a atenção do fotógrafo Antônio Penelas aos detalhes e o compromisso com o uso de equipamentos de última geração”, que no ponto de vista dos organizadores, simbolizam que seu trabalho é “consistentemente capaz de elevar o seu alvo”.

 

De 24 anos de idade, Antônio Penelas, o fundador da “Photopapi” é igualmente referenciado pelo jurado da “Prestige Awards”, como usuário de “equipamentos de última geração”, o que para os promotores do evento consideram-no detentor de “habilidades, conhecimento e experiência para capturar momentos que são tão impressionantes” .

 

Em reação feita na sua conta do Linkedin, o fotógrafo angolano agradeceu ao público, dizendo que “É com muita gratidão, orgulho e satisfação que hoje venho partilhar um bocado do que foi o sétimo aniversário da Photopapi, foram 7 anos de muitas experiências e celebrando com amigos, clientes, colaboradores, parceiros e fornecedores, tentamos fazer com que cada um dos nossos convidados vivesse uma experiência nunca antes vivida, num evento jamais feito em Angola”.

 

“Agradeço à todo mundo que apoia direta e indiretamente, só posso dizer que vamos continuar a dar o nosso melhor no que toca à comprometimento, inovação e eternizar emoções”, lê-se na mensagem que o Club-K teve acesso.

 

De acordo com apurações, a “Photopapi” faz igualmente parte de um grupo de concorrentes recentemente propostos para a conhecida "Angola 35 Graus" que acontece dentro de semanas na capital angolana. O seu patrão Antônio Penelas concorre na categoria da ”cultura e artes”.

 

A "Gala Angola 35 Graus" é um evento anual realizado em Angola para celebrar a cultura angolana, destacar o talento local e promover o desenvolvimento social e artístico do país. A gala tem como objetivo principal reconhecer e premiar personalidades angolanas que se destacaram em diversas áreas, como música, dança, desporto, moda, cinema, televisão, empreendedorismo, entre outras.

 

Geralmente, esta gala que destaca jovens com idade inferior aos 35 anos de idade, reúne figuras importantes da sociedade angolana, incluindo artistas, líderes empresariais, políticos e influenciadores. É um evento de destaque no calendário cultural de Angola, que busca valorizar e enaltecer as contribuições e talentos locais.