Joanesburgo - De acordo com o que apurou o Club-k.net, o Coronel Antero João Correia é  o novo chefe da Divisão dos Serviços de Informação Militar da Guine-Bissau, em substituiçao do Coronel Samba  Djaló (na foto), detido na sequência do levantamente militar de  1 de Abril, que culminou com a detenção e consequente afastamento do CEMGFA, o Contra-Almirante José Zamora Induta.


Fonte: Club-k.net


Formado em direito, Antero João Correia  era muito ligado a Nino Vieira de que serviu-lhe em sucessivos governos como Chefe da segurança, Consul em Paris e comandante geral da Polícia.  Ate ano passado ocupada as funcoes de director  dos Serviços de Informação do Estado na Guiné-Bissau (SIE) tendo sido afastado e substituido pelo seu adjunto Samba  Djaló a quando  aos assassinato do ex deputado Hélder Proenca e Baciro Dabó.


A semana que antecedeu aos assassinatos de Hélder  e Baciro, a  4 Junho de 2009, o Coronel Antero esteve em Lisboa e  a sua ausência teria sido aproveitada para penetração em alguns operativos. No dia do crime, recusou assinar um  comunicado que atribuia tentativa de golpe de Estado e acabou por ser detido. O documento seria assinado pelo seu  adjunto, o Coronel Samba Djalo.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: